Máscaras faciais doadas pela Marinha brasileira representam um “reforço na prevenção” da Covid-19

28/09/2020 14:44 - Modificado em 28/09/2020 14:44
| Comentários fechados em Máscaras faciais doadas pela Marinha brasileira representam um “reforço na prevenção” da Covid-19

No âmbito da entrega de 15 mil máscaras à Delegacia de Saúde da ilha para o combate a covid-19, por parte da marinha brasileira, a delegada substituta, Jaqueline Cid, assegurou que a oferta é “muito bem recebida” e que representa um “reforço na prevenção” da covid-19.

No ato da entrega das máscaras nas instalações da Delegacia de Saúde de São Vicente, Jaqueline Cid, agradeceu em nome da delegacia e da população de São Vicente esta ação da marinha brasileira, que servirá para o reforço das parcerias futuras.

Já o comandante do navio-patrulha oceânico APA, Luís Ricardo, garantiu que é uma forma de contribuir para o reforço do combate à propagação da doença na ilha, pela forma como foram recebidas em termos de segurança na parte de saúde. “O facto de as pessoas estarem a usar máscaras em recintos fechados e lojas, deixa-nos muito seguros” frisou.

O navio-patrulha oceânico APA, que está de passagem por Mindelo, participará, no período de 05 a 09 de outubro, da missão GRAND AFRICAN NEMO 2020, no Golfo da Guiné, que conta com a participação do Brasil pela segunda vez.

Esta visita de cinco dias à ilha de São Vicente, conforme nota de imprensa, acontece no âmbito da missão Grand African Nemo 2020, exercício de segurança marítima que acontece no Golfo da Guiné, para treinamento dos países africanos da costa ocidental africana, para o enfrentamento da insegurança marítima na região do referido golfo.

De acordo com a mesma fonte, após a realização dos exercícios no Golfo da Guiné, o navio ainda efetuará uma nova paragem no Porto Grande do Mindelo, no período de 12 a 14 de outubro.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.