SINDPROF quer adiamento das aulas presenciais em todo o país

28/09/2020 14:46 - Modificado em 28/09/2020 14:46
| Comentários fechados em SINDPROF quer adiamento das aulas presenciais em todo o país

A presidente do Sindicato Democrático de Professores, SINDPROF, Lígia Herbert, defende que o início das aulas deve ser adiado em todo o país e não só na cidade da Praia.

Lígia Herbert, considera que mesmo observando todas as medidas de segurança sanitária, não é possível evitar possíveis contágios no ambiente escolar.

Enquanto as aulas presenciais não forem possíveis na cidade da Praia, o Ministério da Educação vai avançar com o ensino à distância. Porém, o modelo adotado não responde às necessidades e às capacidades da maioria da população e, inclusive, dos professores, adverte o SINDPROF.

Em entrevista à Rádio Pública, a presidente do SINDPROF acredita que a melhor opção seria aguardar que a situação epidemiológica melhore no país para só depois se iniciar o ano letivo em todas as ilhas.

Nas redes sociais muitos pais e encarregados de educação mostram-se de acordo com esta decisão, por apontarem que em quase todos os municípios do país haver casos ativos da infeção pelo novo coronavírus, responsável pela covid-19.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.