Estados Unidos ultrapassam a marca das 200 mil mortes devido à Covid-19

22/09/2020 16:10 - Modificado em 22/09/2020 16:10
| Comentários fechados em Estados Unidos ultrapassam a marca das 200 mil mortes devido à Covid-19

O país regista o maior número de óbitos causados pela doença a nível global.

© Getty Images

Os Estados Unidos superaram esta terça-feira uma marca verdadeiramente trágica. Segundo os dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, o país ultrapassou as 200 mil vítimas mortais provocadas pela Covid-19, apenas oito meses depois de ter sido detetado o primeiro caso de coronavírus em território norte-americano. 

Para se ter uma ideia da dimensão do número de óbitos provocados pela Covid-19 nos Estados Unidos, nesta altura equivaleria a um ataque terrorista do 11 de Setembro durante 67 dias seguidos.  

“É completamente abissal que tenhamos chegado a este ponto”, disse Jennifer Nuzzo, uma das responsáveis do centro de pesquisa de saúde pública da Universidade Johns Hopkins, em declarações à Associated Press.

Os Estados Unidos registam de longe o número mais elevado de vítimas mortais causadas pela Covid-19 no mundo. O segundo país com mais óbitos é o Brasil, que totaliza mais de 137 mil. 

Ainda assim, e tal como acontece de resto na grande maioria dos países, o número real de mortes associadas à Covid-19 nos Estados Unidos deve ser muito superior às mais de 200 mil. Principalmente na fase inicial da pandemia no país, muitas mortes terão sido atribuídas a outras causas, uma vez que a realização de testes ainda não era generalizada. 

Em Notícias ao Minuto

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.