Santiago e Sal saem hoje do estado de calamidade

30/08/2020 16:45 - Modificado em 30/08/2020 16:45
| Comentários fechados em Santiago e Sal saem hoje do estado de calamidade

As ilhas de Santiago e do Sal, focos da pandemia da covid-19 em Cabo Verde, saem hoje do estado de calamidade que tinha sido prorrogado pelo Governo por mais 21 dias.

No passado dia 07 de agosto o Governo anunciou a prorrogação do estado de calamidade por mais 21 dias nestas duas ilhas, e que fica concluído este domingo, 30 de agosto. Na altura, o Ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, informou que algumas instituições iam manter-se encerradas e proibidas atividades, nomeadamente recreativas, de diversão e desportivas.

Também apontou que os estabelecimentos de consumo de bebidas alcoólicas ficariam encerradas temporariamente, e que após este período de 21 dias poderiam voltar a funcionar, mediante a apresentação de uma declaração de conformidade sanitária, emitida pelas autoridades de fiscalização.

A prorrogação do estado de calamidade os restaurantes, locais de vendas e consumo de refeições rápidas, roulottes e similares nas referidas ilhas foram obrigados a suspender o atendimento público a partir das 21:30 e a encerrar todas as atividades às 22:00. Nesta altura ficou ainda garantido a proibição de realização de festas e convívios, ainda que em residências particulares, e a atividade balnear na ilha do Sal ficou encerrada nos termos a definir na ilha do Sal ficou encerrada nos termos a definir pelo Instituto Marítimo Portuário (IMP).

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.