Pandemia já causou a morte a mais de 813.733 pessoas em todo mundo

25/08/2020 15:10 - Modificado em 25/08/2020 15:10

A pandemia do novo coronavírus já causou a morte a pelo menos 813.733 pessoas em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP baseado em dados oficiais.

© Reuters

De acordo com os dados recolhidos pela agência francesa de notícias, até às 11:00 de hoje (hora de Lisboa), já morreram pelo menos 813.733 pessoas e há mais de 23.689.860 infetados em 196 países e territórios desde o início da epidemia, em dezembro de 2019, na cidade chinesa de Wuhan.

Pelo menos 15.098.600 casos foram considerados curados pelas autoridades de saúde.

A AFP adverte que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do total real de infeções, já que alguns países estão a testar apenas casos graves, outros usam o teste como uma prioridade para rastreamento e muitos países pobres têm apenas capacidade limitada de rastreamento.

Nas últimas 24 horas foram registadas 4.252 novas mortes e 222.172 novos casos em todo o mundo. Os países que registaram o maior número de novas mortes nos seus balanços são a Índia (848), o Brasil (565) e os Estados Unidos (450).

Os Estados Unidos são o país mais afetado em termos de mortes e casos, com 177.284 mortes e 5.741.088 casos, de acordo com um balanço da Universidade Johns Hopkins. Pelo menos 2.020.774 pessoas foram declaradas curadas.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 115.309 mortes e 3.622.861 casos, México com 60.800 mortes (563.705 casos), Índia com 58.390 mortes (3.167.323 casos) e Reino Unido Unidos com 41.433 mortes (326.614 casos).

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) contabilizou oficialmente um total de 84.981 casos (14 novos entre segunda-feira e hoje), incluindo 4.634 mortes e 79.961 recuperações.

A Europa totalizou 213.414 mortes (3.761.932 casos), a América Latina e as Caraíbas 261.078 mortes (6.782.464 casos), Estados Unidos e Canadá 186.398 mortes (5.866.206 casos), Ásia 89.480 mortes (4.631.874 casos), Médio Oriente 34.812 mortes (1.423.053 casos), África 27.990 mortes (1.196.539 casos) e Oceânia 561 mortes (27.800 casos).

O balanço foi realizado a partir de dados recolhidos pelas delegações da AFP junto das autoridades nacionais competentes e de informações da OMS.

Portugal, de acordo com o último relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS), contabiliza 1.801 mortos associados à covid-19 em 55.720 casos confirmados de infeção.

Por Lusa

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.