Luís Filipe Tavares destaca parceria com os Estados Unidos na realização de operações de treinamento

18/08/2020 23:23 - Modificado em 18/08/2020 23:23

O ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades destacou hoje a parceria entre Cabo Verde e os Estados Unidos da América (EUA), na realização de operações de treinamento, como importante instrumento para as Forças Armadas nacionais.

Luís Filipe Tavares fez esta declaração à imprensa, à margem da realização de uma demonstração de busca e salvamento, conduzida pela Guarda Costeira dos Estados Unidos da América, que teve lugar hoje na Cidade da Praia.

Segundo o responsável, este é um acordo de muitos anos, que regularmente possibilita exercícios militares conjuntamente com as forças americanas e, neste quadro, coube à Guarda Costeira dos EUA, a convite do Governo, realizar mais uma actividade do género.

“Foi a convite do Governo, a que puderam assistir todas as nossas forças, no quadro daquilo que temos vindo a fazer relativamente a essas actividades”, referiu.

Segundo frisou o ministro, essa missão vai ser realizada em todo Cabo Verde, ou seja, em toda a Zona Económica Exclusiva, durante mais um mês.

“O nosso propósito é trabalhar para adoptarmos a nossa esquadrilha naval e aérea, de mais meios e, seguramente, teremos novidade de aquisição de novos equipamentos”, sublinhou.

Este exercício teve como objectivo principal demonstrar as capacidades de resgate da Guarda Costeira dos EUA, resgatando uma pessoa em perigo no mar, com o helicóptero MH65-6520.

Conforme a Embaixada dos Estados Unidos da América em Cabo Verde, encontra-se no país o navio ¨Bear¨ da Guarda Costeira dos EUA, disponibilizado pelo Departamento de Segurança Interna daquele país.

O referido navio realizará missões no âmbito do apoio à segurança nos espaços marítimos, sob a soberania e jurisdição de Cabo Verde, reforçando a parceria entre os dois governos e os esforços comuns no combate à actividade marítima ilícita no Atlântico.

Inforpress

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.