Abóbora com 610 kg produzida no Algarve

17/08/2020 22:04 - Modificado em 17/08/2020 22:04
| Comentários fechados em Abóbora com 610 kg produzida no Algarve

José Santos cultivou ainda uma melancia com 50 quilos e uma meloa com 19,3 quilos.

Foto: Pedro Noel da Luz

Um pequeno agricultor do Algarve está a produzir uma abóbora gigante que já tem cerca de 610 quilos. Na horta de José Santos há ainda uma melancia com 50 quilos e uma meloa com 19 quilos.

Laurinda, Teresa e Isidora são os nomes das abóboras cultivadas em Paderne pelo pequeno agricultor, em homenagem às avós de José Santos e da mulher. Começou por ser um hobby e transformou-se num desafio anual. “A Laurinda tem 540 quilos, a Teresa 550 e a Isidora 610. Estavam a aumentar 5 quilos por dia e ainda têm mais 30 dias para crescer”, explicou ao CM José Santos, barman e agricultor nas horas vagas.

A sementeira começou em março e a colheita será em setembro. Para chegarem a estes tamanhos são necessárias “quatro horas de dedicação por dia, muito investimento e cerca de mil litros de água de dois em dois dias”. Além das abóboras, na horta de José Santos há ainda melancias e meloas gigantes. Não têm nomes, mas têm igualmente pesos surpreendentes. Uma melancia já atingiu os 50 quilos e uma das meloas pesa 19 quilos e 300 gramas, “ultrapassando já o recorde europeu”.

Em 2018, o agricultor em part-time tinha produzido uma abóbora com 100 quilos. No ano passado, cultivou uma de 450 quilos, que foi considerada a maior do País no Concurso Internacional de Hortícolas Gigantes, em Paredes, no Porto. Para ser retirada da horta teve que ser usada uma grua. Este ano, os legumes gigantes deste algarvio deverão regressar a Paredes e estarão em exposição junto à sua horta, em Paderne.

Em CM

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.