Sal: Trinta pessoas que testaram positivo em teste rápido e negativo no PCR impedidas de viajar para São Vicente

6/08/2020 00:47 - Modificado em 6/08/2020 00:47
| Comentários fechados em Sal: Trinta pessoas que testaram positivo em teste rápido e negativo no PCR impedidas de viajar para São Vicente

Um grupo de mais de 30 pessoas estão retidas na ilha do Sal, com problemas em viajar de barco para São Vicente, após terem testado positivo no teste rápido e negativo no PCR. Estes alegam que devido a falta de lugares nas viagens só podem viajar a partir de 16 de agosto.

Já com os bilhetes da viagem em mãos estes mostram-se descontentes, visto que os resultados dos testes de despiste de covid-19 têm prazo de validade. Também se dizem preocupados que até a data de uma nova viagem, com novo teste vierem a acusar positivo para a covid-19. É que a viagem, na melhor das hipótese, só deve ocorrer a partir do dia 16 de agosto, visto até essa data estarem esgotados os bilhetes para viagens nessa linha.

Estes apontam como solução mais viável para todas as partes que, algumas dessas pessoas sejam colocados na viagem que sai da ilha do Sal nesta quinta-feira, 06, e que outros possam seguir viagem no próximo domingo, 09 de agosto.

Por motivos de ordem financeira, estes cidadãos sustentam que já não tem mais condições para ficar na ilha do Sal, por terem de pagar o alojamento e alimentação numa fase que a retoma dos empregos na ilha mais turística do país, está mais complicada com o aumento do número de casos de covid-19.

Contudo segundo informações apuradas, a Cabo Verde InterIlhas irá solicitar junto do Instituto Marítimo e Portuário (IMP), uma autorização para uma lotação extra para resolver a situação destes cidadãos.

A empresa concessionária do transporte marítimo inter-ilhas, também estuda a possibilidade de reservar em viagens futuras, 10 lugares para evitar situações do género.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.