Delegado de Saúde de São Vicente receia transmissão comunitária da Covid-19

18/07/2020 00:25 - Modificado em 18/07/2020 00:25
| Comentários fechados em Delegado de Saúde de São Vicente receia transmissão comunitária da Covid-19

ODelegado de Saúde de São Vicente, Elísio Silva, mostra-se preocupado com a não realização de testes a pessoas provenientes da ilha de São Nicolau, e por isso antevê a transmissão comunitária da Covid-19 na ilha se a situação não mudar.

Elísio Silva, garante que nos últimos dias entraram na ilha, vindas de São Nicolau, mais de 60 pessoas, que não realizaram testes de despistes de covid-19, o que poderá colocar em risco o esforço que as autoridades sanitárias da ilha tem feito para evitar a propagação da doença na ilha.

Nisto, assegura que tanto o Ministério da Saúde e o Governo devem analisar a questão e colocar a ilha de São Nicolau, no grupo de risco de transmissão como são os casos de Santiago e Sal, onde as pessoas são sujeitas ao teste rápido para poderem viajar para outras ilhas.

“Deverá haver uma mudança rápida de estratégia, por parte do Ministério da Saúde e do Governo, tendo em conta o número de casos que tem neste momento a ilha de São Nicolau” sustenta.

Para já o mesmo receia que a situação epidemiológica mude de figura na ilha, mas também nas outras ilhas da região norte, por causa deste cenário atual.

Elísio Silva, alerta por isso a atenção das pessoas para se manterem vigilantes na observação do reforço das medidas de proteção individual, para evitar a propagação da covid-19.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.