São Vicente, Santiago e Sal vão sofrer menos cortes de energia eléctrica com Centro Nacional de Despacho

13/07/2020 17:14 - Modificado em 13/07/2020 17:14
| Comentários fechados em São Vicente, Santiago e Sal vão sofrer menos cortes de energia eléctrica com Centro Nacional de Despacho

O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, anunciou hoje no acto da inauguração do Centro Nacional de Despacho, SCADA (SEM/DMS), na cidade da Praia, que as ilhas de São Vicente, Santiago e Sal vão passar a ter menos cortes de energia eléctrica.

O PM referiu que este Sistema de Controlo e Gestão das infra-estruturas eléctricas das ilhas de Santiago, São Vicente e Sal, e que se enquadra no Projeto de Desenvolvimento dos Sistemas de Transporte e Distribuição de Eletricidade, intitulado “Projecto 6 ilhas” terá impacto sobre a economia, as empresas e as pessoas.

“Este sistema aumentará a eficiência energética na produção e na transmissão de energia, melhoria da qualidade do serviço com rapidez na deteção de avarias, na redução substancial do tempo de interrupção de fornecimento de energia elétrica. Aumenta a possibilidade de penetração de energias renováveis, aumento da confiança no setor energético do país, melhoria do Doing Business pela facilitação do acesso à energia, e cria de empregos qualificados” declarou o executivo.

O sistema é uma ferramenta avançada e integrada de Gestão do Sistema de Produção, Transporte e Distribuição de Energia Elétrica permitindo a sua monitorização, controlo, análises, otimização, planeamento, despacho e simulação.

Este projeto é financiado pelo Governo, através do Ministério da Indústria, Comércio e Energia, e pela Agência Japonesa de Cooperação Internacional (JICA) com o orçamento em cerca de 990 milhões de escudos (cerca de nove milhões de euros).

Nesta primeira fase estão integradas as infra-estruturas de três ilhas, nomeadamente, de Santiago, São Vicente e Sal.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.