Paulo Veiga diz que Ministério da Economia Marítima já prepara próximos passos da Zona Económica Especial de São Vicente

10/07/2020 14:04 - Modificado em 10/07/2020 14:05
| Comentários fechados em Paulo Veiga diz que Ministério da Economia Marítima já prepara próximos passos da Zona Económica Especial de São Vicente
Foto: Inforpress

O ministro da Economia Marítima, Paulo Veiga, assegurou hoje durante uma visita ao Paul, na ilha de Santos Antão, que foi com satisfação, que recebeu à notícia da promulgação do diploma que cria a Zona Económica Especial em São Vicente, e só espera a publicação do diploma para preparar “os próximos passos”.

“O próximo passo será a eleição dos órgãos sociais, conjuntamente com a Câmara Municipal de São Vicente, para que possamos começar a implementar o projeto em si”, disse o ministro Paulo Veiga citado pela Agência Cabo-verdiana de Notícias.

A ideia, segundo o mesmo, é que a Zona Económica Especial potencie um desenvolvimento mais acelerado de todo o país, a partir da ilha de São Vicente, explicando, no entanto, que se trata de um projeto sediado em São Vicente, mas que “será para todo o país, especialmente para a região norte”.

De acordo com Paulo Veiga, após a eleição dos órgãos sociais, dar-se-á início à elaboração dos planos detalhados e à atração dos investimentos e das parcerias necessárias para que a Zona Económica Especial seja uma realidade.

A Zona Económica Especial tem como objetivo o desenvolvimento da economia marítima e constitui, segundo o governante, “um passo muito importante”, tendo em conta que “o Governo elegeu a economia marítima como um dos pontos fortes para a recuperação da economia ‘pós-pandemia’”.

“Temos que trabalhar rapidamente nesse sentido”, acrescenta Paulo Veiga, explicando que uma das vertentes da Zona Económica Especial será o Campus do Mar, que integra três instituições, nomeadamente, a Universidade Técnica do Atlântico, a Escola do Mar e o Instituto do Mar.

A Universidade Técnica do Atlântico ocupar-se-á do Ensino Superior, a Escola do Mar terá a seu cargo a formação profissional e profissionalizante e o Instituto do Mar estará vocacionado para a investigação.

O ministro da Economia Marítima termina na tarde de hoje uma visita ao concelho do Paul.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.