Recusou-se a atender mulher sem máscara e ganhou gorjeta de 19 mil euros

26/06/2020 14:41 - Modificado em 26/06/2020 14:41

Gorjeta é o resultado de uma angariação de fundos online.

© Facebook

Um funcionário do Starbucks, em San Diego, nos EUA, acaba de receber uma doação de quase 19 mil euros, depois de se ter recusado a atender uma cliente sem máscara.

A ação do jovem celebrizou-se depois de a própria cliente ter partilhado nas redes sociais o que se passara.

“Conheçam o Ienen da Starbucks. Recusou-se a atender-me porque não tenho máscara. Para a próxima vez vou chamar a polícia e trazer um atestado médico”, escreveu Amber Lynn Gilles.

A publicação tornou-se viral e acabou por se virar contra a mulher. Muitos elogiaram o jovem por cumprir as normas e outros tantos criticaram Amber por querer um serviço privilegiado.

Nas redes sociais, a mulher chega ainda a afirmar que as máscaras “são estúpidas, bem como o são as pessoas que as usam”.

Um internauta, na sequência da publicação, decidiu criar uma página de angariação de fundos para conseguir juntar uma gorjeta para o empregado, entretanto identificado como Lenin Gutierrez. 

O que pensava não ultrapassar os 200 euros, chegou, afinal, a perto de 19 mil euros. Esta quinta-feira a angariação de fundos contava com 2 mil doações.

Recorde-se que na sequência da polémica, a Starbucks veio a público dizer que apesar de receber todos os clientes de braços abertos, o espaço implementara normas de segurança na sequência da pandemia, as quais foram seguidas na íntegra pelo seu funcionário.

Em Notícias ao Minuto

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.