Defesa de Alex Saab considera que o caso é complexo

15/06/2020 23:44 - Modificado em 15/06/2020 23:44
| Comentários fechados em Defesa de Alex Saab considera que o caso é complexo

A defesa de Alex Saab Morán, empresário colombiano e suposto testa-de-ferro de Nicolás Maduro, que está em prisão preventiva na ilha do Sal, afirma que estão tentando a melhor estratégia neste processo que consideram ser complexo, inclusive que alguns países já se mostrarem preocupados com a forma como decorreu esta detenção.

“Estamos a preparar a defesa. Ter uma estratégia de defesa pois trata-se de um processo complexo de extradição, aliado às dificuldades pela falta de circulação [interilhas]. Mas no meio disto tudo estamos a tentar trabalhar para ter um resultado que seja justo para o nosso cliente que é evitar a extradição” referiu um dos advogados de Alex Saab Morán à Rádio Pública.

O mesmo aponta que países poderosos estão a acompanhar esta situação com alguma preocupação, o que poderá de alguma forma beliscar o relacionamento do nosso país com os mesmos.

“Há países que estão preocupados com esta situação. Países relativamente poderosos, com relações com Cabo Verde têm manifestado a sua preocupação com o ocorrido e que poderá colocar em causa o relacionamento de estado a nível internacional” vincou a defesa de Morán.

Alex Morán foi detido, na passada sexta-feira, no Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, na ilha do Sal, por presumível lavagem de dinheiro, pelo qual vinha sendo investigado pela justiça da Colômbia e dos Estados Unidos da América. Segundo avança a imprensa internacional Alex Morán é conhecido por ser o principal operador financeiro do presidente venezuelano e é alvo de sanções de Washington desde junho de 2019, após por sido acusado de servir de testa de ferro do líder chavista.

Os EUA que requereu a detenção tem 18 dias para apresentar o pedido formal de extradição. No entanto, o prazo pode ser prorrogado até 40 dias, dependendo da complexidade da situação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.