Jorge Carlos Fonseca: “Não facilitemos a vida ao novo coronavírus”

3/06/2020 23:48 - Modificado em 3/06/2020 23:48
| Comentários fechados em Jorge Carlos Fonseca: “Não facilitemos a vida ao novo coronavírus”

Para o Presidente da República a população não pode afrouxar “seja qual for o estado em que nos encontramos”, na determinação e no sentido de responsabilidade na luta contra a epidemia da covid-19, sob pena de sermos forçados a recuar, a dar passos atrás.

Jorge Carlos Fonseca faz um apelo a não facilitar “a vida ao novo coronavírus”, numa mensagem publicada na sua página oficial na rede social Facebook.

Cinco dias após a ilha de Santiago deixar o estado de emergência, o país registou hoje mais 11 casos de infeção pelo novo coronavírus, todos na cidade da Praia, com o total acumulado no país a subir para 412 na ilha de Santiago, desde 19 de março, segundo dados do Ministério da Saúde.

A mensagem das autoridades, tem sido pedir a  responsabilidade às pessoas e alertado para o cumprimento das medidas ainda em vigor para conter a propagação do novo coronavírus no país.

É que tanto nas ilhas que ainda não têm casos positivos confirmados, como na capital, tem-se notado, segundo as autoridades sanitárias, uma falta de responsabilidade social, desde o desconfinamento, com aglomerações e convívios após o estado de emergência.

Cabo Verde regista um acumulado de 477 casos de covid-19, distribuídos pelas ilhas de Santiago (412), Boa Vista (56), São Vicente (04) e Sal (04).

Do total, registaram-se cinco óbitos, dois doentes foram transferidos e 238 são considerados curados da doença. O país tem neste momento 232 doentes internados em isolamento institucional.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.