Viagens do Sal para São Vicente só com teste de PCR negativo

2/06/2020 13:31 - Modificado em 2/06/2020 13:31
| Comentários fechados em Viagens do Sal para São Vicente só com teste de PCR negativo

O delegado de Saúde de São Vicente avançou hoje, em conferência de imprensa, que entre as pessoas que viajaram do Sal para as outras ilhas, antes da confirmação da paciente grávida com Covid-19 evacuada do Sal para São Vicente, pode existir infectados.

Elísio Silva respondia a uma questão sobre a mobilidade entre ilhas e na possibilidade de surgirem novos casos, como o da paciente grávida evacuada do Sal.

Para o delegado de Saúde da ilha, a maioria das pessoas que viajaram do Sal, foram para São Nicolau, São Vicente e Santo Antão e que pode haver infectados entre eles. Portanto, garante que neste momento, uma das principais medidas é identificar todas as pessoas que viajaram nesse intervalo de tempo e submete-las a testes rápidos de forma a constatar o grau de exposição que tiveram, ou não, com o vírus. “Através do teste rápido, depois de sete dias pode-se saber se teve contacto com o vírus”, explicou Silva.

Sobre as pessoas em quarentena na ilha, Elísio Silva diz que após a confirmação de um caso positivo na ilha do Sal, o navio viajou com mais de 90 pessoas, via São Nicolau, onde embarracaram outros e por terem ficado juntos no navio, ficaram em quarentena ao chegar na ilha.

“Mais de 90 pessoas foram submetidos a testes rápidos, ao pessoal que viajou do Sal, todos com resultado negativo e agora estão a aguardar o teste PCR e depois, de acordo com resultado, ficarão em quarentena domiciliária”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.