Ministério da Administração Interna mobiliza contingente de 41 militares para a Boa Vista

20/03/2020 23:17 - Modificado em 20/03/2020 23:17
| Comentários fechados em Ministério da Administração Interna mobiliza contingente de 41 militares para a Boa Vista

Cumprindo as medidas de restrição decretadas hoje pelo Governo de Cabo Verde, devido ao primeiro caso positivo da Covid-19 em Cabo Verde, o Ministério da Administração Interna (MAI) fez deslocar para a ilha da Boa Vista um contingente de 41 elementos das Forças Armadas, 02 técnicos do Serviço Nacional de Proteção Civil e 02 enfermeiros dos Bombeiros da Praia.

Conforme o MAI, do Porto da Praia partiu um contingente de 25 elementos, constituído por 21 militares, 02 técnicos do Serviço Nacional de Proteção Civil e 02 enfermeiros dos Bombeiros da Praia. Já do Mindelo parte um contingente de 20 militares.

A mesma fonte frisa que o contingente ruma à ilha da Boavista, com o intuito de reforçar as capacidades locais de controlo e de resposta à situação da Covid-19 e de assegurar a aplicação das regras de restrição.

“Levam ainda um conjunto de materiais como equipamentos de proteção individual (mascaras e luvas), tendas, lanternas, mantas e um drone para reconhecimento e mapeamento” salienta a fonte.

Também uma equipa formada por profissionais de saúde, nomeadamente, médicos – infeciologistas, internistas, epidemiologista, intensivista, enfermeiro e psicólogo, viajaram esta sexta-feira, 20, com destino à Boa Vista, para reforçar a equipa de saúde da ilha.

Foram igualmente enviados, materiais de proteção individual e equipamentos diversos, designadamente, ventilador, monitor cardíaco, bomba infusora, seringa infusora e termómetro infravermelho.

Recorda-se que perante o primeiro caso de COVID-19 confirmado na Boa Vista e para evitar situações de contágio o Governo decidiu colocar a ilha em quarentena até 4 de Abril.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.