Prisão preventiva para nigeriano detido por suspeitas de tráfico de droga

2/01/2013 01:04 - Modificado em 2/01/2013 01:04

A operação de combate ao tráfico de droga realizada pela Polícia Judiciária, na ilha de São Vicente, determinou a prisão preventiva de um cidadão nigeriano. Neste fim-de-semana, o Juízo Crime enviou para a prisão o indivíduo detido pela PJ por receptação de 60 gramas de cocaína pura.

 

A Polícia Judiciária apreendeu no Aeroporto Internacional Cesária Évora 60 gramas de cocaína pura que estavam camufladas em máquinas de barbear. A droga apreendida foi avaliada pela polícia científica em cerca de dois mil contos e vinha do Brasil, passou pelo Aeroporto da Praia, antes de chegar ao seu destino, a ilha de São Vicente.

O produto foi levantado no Aeroporto Internacional Cesária Évora por um indivíduo de nacionalidade cabo-verdiano, mas o seu destinatário era um cidadão nigeriano, de 29 anos que residia na zona de Fonte Inês e que foi detido minutos depois, pela Polícia Judiciária.

A droga encontrava-se depositada em oito saquetas que vinham escondidas em motores de máquinas de barbear. Foi ainda apreendida uma balança de precisão. O cidadão nigeriano foi presente às instâncias judiciais na manhã deste domingo. Findo o interrogatório, o Juízo Crime da Comarca de São Vicente decretou a prisão preventiva do indivíduo.

Com esta medida de coacção aplicada ao arguido, eleva-se a dois o número de cidadãos de nacionalidade nigeriana encaminhados no espaço de uma semana para a cadeia da Ribeirinha por suspeitas de tráfico de droga. No fim-de-semana anterior, este mesmo juiz enviou para a prisão um nigeriano detido na sua residência na zona de Lombo Tanque na posse de cocaína, 200 mil escudos, 200 euros e 40 dólares.

  1. NN

    Esses emigrantes é bode espiatórios. Bsot concentra mas ne pessoas locais, será q es é mute conhecidos na praça pública e q te traze bsot interesse.

  2. mario jorge dias

    Sempre é de louvar ,mas há outras pessoas que poderiam ser investigadas nao cruxifiquem esses nossos irmaos pfr.

  3. Mindelense

    Pois é, é preciso seguir melhor os nacionais que estão metidos no tráfico, esses são mais pesados. Investiguem alguns que vêm dos EUA, pseudo-imigrantes, são autênticos traficantes, aliás é só seguirem a cadeia de consumidores que o fazem na praça pública, se eu sei, a polícia não sabe??? Peguem um destes consumidores e saquem informações…

  4. Mindelense

    E tem mais, é preciso, para além dos traficantes do continente, pressionar os que andam a fomentar o roubo de ouro para aquisição, e principalmente aqueles que, descaradamente, se colocam próximos das Casas de Ouro que geram emprego e pagam impostos, para o comércio ilegal.
    BAC e Chocada conseguiram, na calada da noite e madrugada, diminuir a criminalidade vertiginosamente, não vão me dizer que não conseguem em pleno dia acabar com estes descarados, parasitas e desenvergonhados??????

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.