Noite de S. Silvestre: o mindelense no seu melhor

26/12/2012 02:33 - Modificado em 26/12/2012 02:33
| Comentários fechados em Noite de S. Silvestre: o mindelense no seu melhor

A passagem de Ano na cidade do Mindelo é o momento onde se pode observar e sentir toda a alegria que caracteriza o mindelense. No dia 31 de Dezembro, a ilha é uma verdadeira sala de baile com festas por todos os cantos da cidade: desde dos bairros periféricos, das casas mais humildes, até aos salões dos hotéis no centro da cidade. Mindelo vive e respira alegria própria da terra onde Deus derramou a sua alegria.

 

Ao cair da noite, as ruas são invadidas por grupos de crianças, adolescentes e adultos, que vão de casa em casa, munidos de instrumentos musicais ou de um simples “recordai” – um pau em forma de palmatória com pregos espetados onde são metidos tampinhas de lata que chocam umas contra as outras, produzindo vários sons, conforme o compasso dos batimentos. Cantam, tocam as Boas Festas.

As portas são abertas e o dono da casa, após ouvir a música e os desejos de Boas Festas, manda entrar os tocadores e estes são servidos: bolos, pontches, grogue, sumos e/ou oferece uma quantia em dinheiro. Hoje, apenas os tocadores conhecidos são convidados a entrar em casa. À meia-noite começa-se a ouvir o apito dos barcos que estão na Baía do Porto Grande e os mindelenses saem à rua: abraçam-se, desejam Boas Festas, Feliz Ano Novo e dirigem-se para a Av. Marginal. Aí, a festa prossegue nas águas da Baía: homens, mulheres, crianças, atiram-se ao mar, os apitos dos barcos silvando na cidade, o fogo de artifício iluminando a Baía, abraços, beijos, cervejas, afagos, grogues e Boas Festas e “que Deus nos dê um Bom Ano”.

No dia 31 de Dezembro, na passagem de Ano, Mindelo é de facto a terra onde Deus derramou a sua alegria, como escreveu o trovador Manuel D’Novas.

Depois do banho na Baía, as pessoas regressam a casa. Vestem-se a rigor e partem para as inúmeras festas que animam a cidade. Rodam de festa em festa até muito tarde. Um pequeno descanso e quando cai a noite começa tudo de novo. Se consegue aguentar… está convidado a passar o próximo Fim de Ano, aqui, na cidade do Mindelo.

 

Eduino Santos

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.