Mulher com próteses mamárias cheias de cocaína detida

14/12/2012 07:49 - Modificado em 14/12/2012 07:49
| Comentários fechados em Mulher com próteses mamárias cheias de cocaína detida

A polícia espanhola deteve no aeroporto El Prat, de Barcelona, uma mulher proveniente da Colômbia com próteses mamárias, onde transportava 1,3 quilogramas de cocaína, foi nesta quarta-feira anunciado.

 

A mulher, que chegou ao aeroporto de Barcelona num voo proveniente de Bogotá, levantou suspeitas aos agentes responsáveis pelo controlo dos designados “voos suspeitos”, por causa das respostas ambíguas sobre os motivos da viagem, disse a polícia.

A polícia revistou a mulher e encontrou faixa de gaze manchadas de sangue, a tapar feridas abertas na parte debaixo dos seios.

A passageira, com cerca de 20 anos e de nacionalidade panamiana, alegou que tinha sido operada há dois meses para colocar implantes mamários e que as feridas não tinham sarado completamente.

Através das feridas, a polícia conseguiu detectar “um corpo estranho de cor branca” e, depois de ter feito uma radiografia, a mulher foi enviada para um hospital para ser observada.

No hospital, os médicos retiraram um saco, de cada uma das mamas, em forma de prótese e cheio de cocaína, com o peso de 1,3 quilos no total.

Foi comprovado ainda que o estupefaciente já tinha entrado na corrente sanguínea.

A mulher foi detida e, além da acusação de tráfico, enfrenta uma acusação de delito contra a saúde pública.

 

 

 

cm.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.