Instagram e Twitter em “guerra”

9/12/2012 20:54 - Modificado em 9/12/2012 20:54
| Comentários fechados em Instagram e Twitter em “guerra”

O Instagram e o Twitter estão em “guerra”. O serviço de publicação de fotografias, recentemente comprado pelo Facebook, deixou de permitir a visualização directa de imagens no Twitter.

 

O menino bonito das aplicações para smartphones, o Instagram, parece ter declarado guerra ao Twitter que, em tempos, o tentou comprar e de quem já foi aliado. A “luta” parece ter começado a meio desta semana, com o Instagram a limitar a visualização das fotografias da rede no Twitter, fenómeno que levou o serviço de microblogging a emitir uma declaração a explicar que a “culpa” não era deles.

 

Agora, as fotografias enviadas via Instagram aparecem recortadas aleatoriamente no Twitter, pois a empresa desactivou a integração com esta rede social. No entanto, um dos responsáveis pelo serviço já veio dizer que esta é uma medida para melhorar a experiência dos utilizadores do Instagram e que a decisão de mudar de estratégia quanto ao Twitter “nada tem a ver com a aquisição” da ferramenta pelo Facebook. Kevin Systrom garantiu, igualmente, que a “integração entre Instagram e Twitter” nunca iria deixar de acontecer, no sentido em que continuará a ser possível twitar através da ferramenta e pediu desculpas pelos inconvenientes causados aos utilizadores com esta mudança.

 

Esta “guerra” surge depois do New York Times ter anunciado que o serviço de microblogging poderá estar a preparar a introdução de filtros na sua ferramenta de partilha de fotografias, para competir com o Instagram. Termina assim, oficialmente, a “aliança” entre as duas empresas, que em tempos se uniram contra o “domínio” do Facebook.

 

O Instagram não pára de crescer e já acumula mais de 100 milhões de utilizadores. Recentemente, a aplicação decidiu lançar perfis na web para os seus utilizadores, começando a preparar-se para deixar de ter apenas suporte em smartphones e tablets.

 

 

 

jn.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.