ACRIDES lança campanha de prevenção contra o abuso e a exploração sexual de crianças

1/10/2018 23:18 - Modificado em 1/10/2018 23:18

 A Rede Nacional de Prevenção ao Abuso e Exploração Sexual coordenada pela iniciativa da Associação de Crianças Desfavorecidas (ACRIDES) lança amanhã, 2 de Outubro, uma campanha a nível nacional de prevenção contra o abuso e a exploração sexual de crianças.

Esta campanha tem como objectivo principal proteger as crianças contra violência sexual. Infelizmente a violência sexual contra crianças e adolescentes apesar de e condenável a todos os nivéis continua a ser uma prática comum em Cabo Verde.

Para o país que somos enfrente e supere definitivamente essa grave situação é preciso conhecer muito bem o problema. E é aqui que entra esta campanha: ela reúne as principais informações que você precisa saber sobre o tema. Isso vai ajudar você a proteger cada vez mais os direitos das crianças e adolescentes.

De acordo com os promotores da campanha, em todas as ilhas serão realizadas atividades abordando e esclarecendo a população durante um período de três meses.

A violência sexual é caracterizada quando a criança ou adolescente é usada para o prazer sexual de uma pessoa mais velha, em outras palavras, qualquer acção onde existe o interesse sexual. O que denota a violação dos direitos da criança e do adolescente, por se tratar de abuso e exploração do corpo e sexualidade da criança, através da força ou coerção.

Com isso temos, o abuso sexual e a exploração sexual. O abuso sexual é a utilização da sexualidade de uma criança ou adolescente para a prática de qualquer ato de natureza sexual. O abuso sexual é geralmente praticado por uma pessoa com quem a criança ou adolescente possui uma relação de confiança e que participa do seu convívio. Essa violência pode se manifestar dentro do ambiente doméstico (intrafamiliar) ou fora dele (extrafamiliar).

A exploração sexual é a utilização de crianças e adolescentes para fins sexuais mediada por lucro, objetos de valor ou outros elementos de troca. A exploração sexual ocorre de quatro formas: no contexto da prostituição, na pornografia, nas redes de tráfico e no turismo com motivação sexual.

Uma das atitudes que devem ser adotada pelos pais é estar sempre atentos às atitudes dos filhos. Qualquer mudança de comportamento pode ser um sinal de alerta, pois as crianças que sofreram ou sofrem de algum tipo de abuso podem se tornar cada vez mais caladas e retraídas, apresentar atitudes agressivas, ou de medo em relação a um familiar, mesmo que este seja bem próximo. Não devemos nunca subestimar esse tipo de atitude.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.