PR fará comunicação ao País para explicar a sua posição sobre o SOFA

18/09/2018 23:39 - Modificado em 18/09/2018 23:39

O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca,  vai acabar  com o suspense á volta da decisão  que terá de tomar  sobre o (Acordo Militar entre Cabo Verde e os EUA – SOFA) . Para isso chamou para si os holofotes e , hoje, 19 , as 17 horas, irá fazer uma comunicação ao País  explicando  a sua posição sobre o assunto . Assim são apenas mais algumas de hora de suspense  e vai-se ficar a conhecer a posição do PR sobre  esse diploma que tem motivado  a troca de “galhardetes” e arremessos  entre o Governo  e a oposição. E assim o PR cumpre a promessa que fez na entrevista concedida ao jornal Expresso das Ilhas

“Muito brevemente vou pronunciar-me sobre isto (Acordo SOFA), mas pronunciei-me sobre o processo que conduziu a essa assinatura. Achei e continuo a achar que em matérias como essa tem que haver uma articulação próxima com o Presidente da República, porque ele tem poderes constitucionais nesta matéria”

O jornal  A Nação avançou numa edição recente que “o Presidente da República tinha  aprovado o SOFA”. Mais logo acaba-se o suspense .

  1. Maria José

    Atualmente, mais de 3.000 cidadãos têm o seu CNI que é emitido em nove conservatórias: Santo Antão (Paul, Porto Novo e Ponta do Sol), São Vicente, Brava, Fogo (São Filipe, Santa Catarina e Mosteiros) e Santiago (Arquivo Nacional de Identificação Civil e Criminal, Assomada).

    Segundo a ministra da Justiça e Trabalho, existem também na diáspora oito representantes diplomáticos com capacidade para o CNI.

    Este cartão, que é produzido em Portugal, custa 1.395$00. Com urgência, o seu valor é de 1.795$00.

    Meu Comentário: Isto é uma vergonha nacional. Aliás é uma questao de soberania Nacional. Colocar todos os dados os dados dos cidadaos caboverdinanos nas maos da antiga potencia. Perdemos uma oportunidade impar para reafirmar a nossa soberania.
    Caboverdianamente me subscrevo.
    Maria José.

  2. Maria José

    Todo mundo preocupado com o SOFA. Mas ninguem se preocupa com aquilo que mexe com a soberania nacional e de todos os cidaddaos. Com a seguranca dos proprios cidadaos e da proteccao da sua identidade.
    Veja só:
    Atualmente, mais de 3.000 cidadãos têm o seu CNI que é emitido em nove conservatórias: Santo Antão (Paul, Porto Novo e Ponta do Sol), São Vicente, Brava, Fogo (São Filipe, Santa Catarina e Mosteiros) e Santiago (Arquivo Nacional de Identificação Civil e Criminal, Assomada).

    Segundo a ministra da Justiça e Trabalho, existem também na diáspora oito representantes diplomáticos com capacidade para o CNI.

    Este cartão, que é produzido em Portugal, custa 1.395$00. Com urgência, o seu valor é de 1.795$00.

    Meu Comentário: Isto é uma vergonha nacional. Aliás é uma questao de soberania Nacional. Colocar todos os dados os dados dos cidadaos caboverdinanos nas maos da antiga potencia. Perdemos uma oportunidade impar para reafirmar a nossa soberania.
    Caboverdianamente me subscrevo.
    Maria José.

  3. Maria José

    Caboverdiano no seu maior… Emfim…
    Todo mundo preocupado com o SOFA. Mas ninguem se preocupa com aquilo que mexe com a soberania nacional e de todos os cidaddaos. Com a seguranca dos proprios cidadaos e da proteccao da sua identidade.
    Veja só:
    Atualmente, mais de 3.000 cidadãos têm o seu CNI que é emitido em nove conservatórias: Santo Antão (Paul, Porto Novo e Ponta do Sol), São Vicente, Brava, Fogo (São Filipe, Santa Catarina e Mosteiros) e Santiago (Arquivo Nacional de Identificação Civil e Criminal, Assomada).

    Segundo a ministra da Justiça e Trabalho, existem também na diáspora oito representantes diplomáticos com capacidade para o CNI.

    Este cartão, que é produzido em Portugal, custa 1.395$00. Com urgência, o seu valor é de 1.795$00.

    Meu Comentário: Isto é uma vergonha nacional. Aliás é uma questao de soberania Nacional. Colocar todos os dados os dados dos cidadaos caboverdinanos nas maos da antiga potencia. Perdemos uma oportunidade impar para reafirmar a nossa soberania.
    Caboverdianamente me subscrevo.
    Maria José.

  4. Maria José

    E porque nao publicam os comentários? So faco comentarios decentes. Eticamente bem concebidos.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.