Mailo e Balakov: o duelo dos goleadores

20/04/2012 00:37 - Modificado em 20/04/2012 00:38

O clássico entre o Batuque e Mindelense da 14ª jornada decidirá o campeão regional 2011/12, por outro lado este jogo reserva um duelo entre dois jogadores. Balakov do Batuque e Mailô que milita no Mindelense lideram a lista dos melhores marcadores. Os dois jovens possuem oitos golos no campeonato e no jogo do título quem estiver com a pontaria afinada terá nos pés a possibilidade de vencer o troféu dos goleadores e ajudar o seu clube a sagrar-se campeão de São Vicente.

O CS Mindelense apresenta-se no domingo, 22 no Estádio Adérito Sena, face ao Batuque FC, com um ponto de vantagem na última jornada do Regional. As duas equipas jogam a partida que define o campeão regional, época 2011/12. Porém este jogo irá ter um duelo individual entre dois jogadores dos dois clubes. Balakov e Mailô, ambos com 8 golos, são os protagonistas do duelo mais quente da 14ª jornada.
O avançado do Batuque, Hélder Gonçalves, conhecido por Balakov começou melhor e somava mais quatro golos à 13ª jornada, mas o “19” do Mindelense, Mailon da Cruz “Mailô” fez quatro golos nessa jornada, por isso os dois jogadores chegam a última jornada com o mesmo número de golos.
O duelo entre os dois atletas promete ser renhido porque só um poderá vencer o troféu de melhor marcador do Regional. Para Balakov e Mailô, o jogo do título reforça dois desejos: vencer o campeonato e marcar golos que permitem ganhar o troféu dos goleadores.

“Ajudar o Batuque a ser campeão”

O avançado, Balakov de 25 anos afirma que ajudar a sua equipa na conquista do título contribuindo com golos e sacrifício dentro de campo. Para Balakov, o apoio do colectivo do Batuque foi importante para que ele alcançasse o topo da lista dos goleadores. Por isso o avançado afirma que “da minha parte vou entregar-me ao jogo com espírito de equipa para ajudar o Batuque a ser campeão. Por outro lado gostava de marcar golos que me permitissem ser o melhor goleador”.

“Vim para o Mindelense para ser campeão”

Porém Balakov terá que travar uma luta com Mailô para ser o “rei dos goleadores”. Porque este jovem de 23 anos, natural do São Nicolau almeja conquistar o tão prestigiado troféu. Mailô chegou em 2011 ao Mindelense com proveniência da Ultramarina de São Nicolau. O jovem foi o melhor marcador do campeonato na ilha do Chiquinho com 15 golos, por isso mereceu a escolha por parte dos dirigentes do Mindelense.

Para Mailô “esta temporada no Mindelense está a correr bem e espero alcançar o meu objectivo que é ser campeão de São Vicente. Estou a fazer a minha preparação para o jogo com o Batuque, não prometo golos, mas espero contribuir para que o clube consiga a vitória. Quanto a conquista do troféu de melhor marcador do regional seria bom se pudesse fazer gosto ao pé para garanti-lo”.
O jogo entre Mindelense e Batuque será mais um duelo entre as duas equipas e prevê-se que será um interessante “embate”.

Por outro lado na frente de ataque das duas equipas estarão dois avançados que lutam por um título individual. Balakov e Mailô têm nos pés possibilidades de mostrar os seus créditos. Porém só um terá oportunidade de levar o troféu para casa, caso aproveitar da melhor forma para fuzilar as redes da equipa contrária.

  1. mindelense vai ser campeao e mailon vai margar um ou dois golo e mailon merese ese trofeu força mindelense ,força mailon musin tarrafal ,tchan poça e guando bo marga didiga golo pa nos povo tchan poça um abraso

  2. gigi joao batista

    forçaaaa laa bjsss

  3. zelinda

    Que bom nha grande amigo Mailon, sempre um dzeb que pa bo trabaia e continuá ess pessoa humilde e lutador e que bo ta conquista bo espaço, e um ta mut orgulhosa de oia isso…..ser um dos melhores marcadores do regional da ilha de monte cara é fruto de bo trabalho, mas o mais importante é que bo é um jogador que ta respeita boss adversários e bo equipa e com humildade e respeito bo ta ba longe se deus quizer……parabéns pa Balakov também……

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.