“Helene” afasta-se deixando poucos estragos

10/09/2018 14:18 - Modificado em 10/09/2018 14:18

A tempestade tropical “Helene”, que se fez sentir durante o fim-de-semana, já se afastou do arquipélago e deixou atrás de si algumas árvores e postes caídos e inundações pontuais. As ilhas de Fogo e Brava foram as mais afectadas.

“Foi um fim-de-semana de muita ventania associada a chuvas de velocidade moderada”, afirmou Renaldo Rodrigues, dando conta que o SNPCB registou, no interior de Santiago, “algumas quedas de árvores e enxurradas”, que acabaram por dificultar a circulação de viaturas.

Registou-se também quedas de postes de eletricidade na zona de Serra Malagueta.

Segundo este responsável, as ilhas mais afectadas foram Fogo e Brava.

“No Fogo, estamos a falar num número significativo de árvores que caíram, tendo algumas atingido propriedades particulares, nomeadamente veículos. Caíram também postes, inclusive a cidade de São Filipe esteve alguns momentos sem energia elétrica por causa disso”, acrescentou.

Quando ao nível dos estragos, Renaldo Rodrigues diz que não há uma caracterização definida. “Mas pelo que podemos avançar, com base em outras paragens, diria que é moderada, pelo menos para as ilhas do Fogo e Brava tendo em conta que houve sim alguns estragos, mas nada de muito significativo”, concluiu.

Fonte : Inforpress

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.