Virgílio Mendonça suspeito de violar criança no Seixal enfrenta fúria de populares

4/09/2018 23:07 - Modificado em 4/09/2018 23:07

Virgílio Mendonça, de nacionalidade cabo-verdiana, suspeito de ter raptado e violado uma menina de 7 anos  na localidade do Seixal, Portugal,  enfrentou a fúria de populares. O homem foi insultado por uma multidão quando foi retirado pela PJ da esquadra do Cruz de Pau onde se encontrava  depois de ter sido detido pela PSP.

Geraram-se momentos de tensão quando uma viatura da PJ retirou o detido da esquadra da PSP para o levar para Lisboa, onde será ouvido nas instalações da Polícia Judiciária. Alguns populares tentaram bloquear a saída do carro da PJ, sob um coro de insultos e ameaças dirigidas a Virgílio Mendonça.
O suspeito foi capturado pelas autoridades portuguesas  , na  terça-feira, junto a um supermercado na Quinta da Princesa, concelho do Seixal, a cerca de três quilómetros do local do crime. Segundo apurou o Correio da Manhã, o homem foi detido às 09h45 por uma equipa de intervenção rápida da PSP do Seixal que recebeu a indicação, por parte de um cidadão, de que o suspeito poderia estar naquele local. Após ser identificado, o homem não ofereceu qualquer resistência á sua detenção.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.