Abraão Vicente “Do programa Bolsa de Acesso à Cultura nasceu uma grande família de artes a nível nacional”

31/07/2018 00:29 - Modificado em 31/07/2018 17:43
| Comentários fechados em Abraão Vicente “Do programa Bolsa de Acesso à Cultura nasceu uma grande família de artes a nível nacional”

O dia 28 de julho vai ficar marcado como um momento memorável a nível cultural em Cabo Verde. Centenas de crianças, adolescentes e jovens foram protagonistas de um espetáculo cujo objetivo era a apresentação de nove (09) meses de resultados da implementação do Programa Bolsa de Acesso à Cultura que financia a propina de cerca de 1500 bolseiros e abrange mais de 2000 mil crianças, adolescentes e jovens no país

“Do programa Bolsa de Acesso à Cultura nasceu uma grande família de artes a nível nacional”, afirmou o Ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, durante a abertura da primeira edição do BA Cultura em Ação.

 O programa Bolsa de Acesso à Cultura (BA Cultura) é uma aposta do Governo da IX Legislatura, através do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas (MCIC). Desde o lançamento do programa a frase “inclusão através da arte” tem feito ainda mais sentido em Cabo Verde que mudou o paradigma do ensino da arte no país e vem registando grandes ganhos, ao longo dos meses da sua implementação.

 “O Programa Bolsa de Acesso à Cultura é um sucesso. Tem havido uma taxa bastante elevada de aprendizado desde nas diversas áreas: música, dança, artes plásticas, artesanato, reciclagem”, lembrou o governante.

 O programa, atualmente, abrange 18 municípios com um financiamento garantido a 100 por cento (%) pelo MCIC. “É emocionante ver tantas crianças envolvidas e ocupadas nos bairros. Este é um programa cujo foco é nas comunidades, envolvendo as crianças, os professores e as famílias dessa comunidade que se juntam à volta do Bolsa de Acesso à Cultura porque todos querem que dê frutos.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.