Menino de seis anos morre afogado num tanque da ETAR ao tentar salvar o cão

21/07/2018 23:13 - Modificado em 21/07/2018 23:15
| Comentários fechados em Menino de seis anos morre afogado num tanque da ETAR ao tentar salvar o cão

 Um menino de seis anos chamado Tiago morreu, no fim do dia, cerca da 19 h 30 m, afogado num tanque da Estação de Tratamento de Águas Residuais ,  ETAR, na Ribeira de Vinha, São Vicente , ao tentar salvar o seu cão que caiu no tanque. O corpo do menino foi retirado do tanque por volta das 21 h 45 m pelos bombeiros com o apoio de uma equipa de mergulhadores. Disseram ao NN que “ foi um trabalho difícil, porque a água é tóxica e não podemos mergulhar. Tivemos que procurar o corpo com varas “ Acabaram por encontrar o corpo numa profundidade de cerca de 2 metros no fundo da lona que reveste o tanque. Os bombeiros consideram que “ a partir do momento que a criança caiu no tanque, mesmo que soubesse nadar, dificilmente se salvaria. Primeiro devido a toxidade da água dos resíduos e depois porque não conseguiria sair do tanque.

De acordo com familiares o menino foi para a praia da Gale com a mãe e por motivos, ainda não esclarecidos, terá saído desse local á procura do cão.

Moradores da Ribeira de Vinha disseram ao NN que dezenas de cães morrem nesse tanque. São atraídos pelo cheiro que inala do tanque onde são tratos os resíduos da fábrica FRESCOMAR. Também chama atenção pela falta de segurança do local, uma vez que existe la ‘apenas uma cancela

 

Em actualizaçao

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.