Arrancou a época balnear 2018 no Porto Novo com maior vigilância mas com uma preocupação dos banhistas

18/07/2018 08:14 - Modificado em 18/07/2018 08:14
| Comentários fechados em Arrancou a época balnear 2018 no Porto Novo com maior vigilância mas com uma preocupação dos banhistas

A época balnear no Porto Novo arrancou oficialmente no domingo, 15, e terá vigilância redobrada nas praias mais frequentadas do Concelho, com a colaboração dos nadadores-salvadores. Os utentes chamam a atenção das autoridades para a praia do Armazém onde, contemporaneamente, decorre a actividade pesqueira neste período.

No decurso da época balnear de 2017, registaram-se algumas situações de afogamento prontamente resolvidas com eficácia pelos nadadores-salvadores. Arrancada oficialmente no domingo, este ano os banhistas terão vigilância redobrada por parte de nadadores-salvadores que estarão nas praias de Curraletes, Armazém e Caisinho, as três praias mais frequentadas do Porto Novo durante este período. De acordo com a edilidade do Porto Novo, essa cobertura insere-se num plano de segurança e de intervenção em situação de emergência que vai vigorar nos próximos meses.

Das três praias mais frequentadas da Cidade do Porto Novo, Curraletes é aquela que mais cuidados e preocupações traz para as autoridades locais, pois situa-se a três quilómetros da Cidade e, inclusive, nos últimos anos, houve casos de óbitos por afogamento nesta praia que por estas alturas recebe o tradicional festival da música.

Armazém e Caisinho fazem parte do lote de praias mais frequentadas pelos banhistas do Porto Novo e, por isso, todos os dias serão vigiadas por nadadores-salvadores. Estas três praias têm ao seu dispor nadadores-salvadores que fazem o trabalho de vigia e, segundo as autoridades marítimas, estarão de serviço até ao mês de Setembro.

A população local chama atenção às autoridades para a necessidade de proibirem, nesta altura do ano, a actividade pesqueira na praia do Armazém, a mais frequentada do Porto Novo, isto por uma questão de segurança dos banhistas que querem ver resolvida esta situação o mais rapidamente possível.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.