Deputado  Antônio Imbassahy vai visitar velejadores brasileiros presos

10/07/2018 01:30 - Modificado em 10/07/2018 01:30
| Comentários fechados em Deputado  Antônio Imbassahy vai visitar velejadores brasileiros presos

O deputado federal  brasileiro , o baiano ,  Antônio Imbassahy , membro da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Camara de Deputados, vai visitar os três velejadores brasileiros  que se encontram detidos na cadeia da Ribeirinha condenados na primeira instância a pena de 10 anos de prisão por trafico de droga no processo conhecido por « operação zorro». O referido deputado faz parte da comitiva  do presidente brasileiro que vai estar no Sal na Cimeira da CPLP . E este acto e visto pelos familiares como « uma prova do engajamento do poder politico brasileiro na libertação dos velejadores que aguardam a decisão  do recurso metido junto do Tribunal da Relaçao ». Este envolvimento politico a alto nível também é visto como « certeza que dispõem de provas que os velejadores são inocentes ».

O deputado  António Imbassay  recebeu os familiares dos velejadores no mês Maio  em Brasília e publicou um documento onde declara uma Moção Oficial de Apoio e Solidariedade aos velejadores através da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados.

Na altura a  Câmara dos Deputados reiterou a sua confiança plena, não apenas na versão apresentada pelos brasileiros, mas em todo o processo realizado ainda no Brasil, de inspecção e vistoria da embarcação, realizadas pela Polícia Federal.

De acordo com o documento a que este online teve acesso que aprova uma Moção de Apoio e Solidariedade aos brasileiros, seus familiares e amigos, o mesmo exorta as autoridades cabo-verdianas no sentido de os colocarem em liberdade, reconsiderando a valoração de várias provas que demonstram a sua inocência, entre elas o documento elaborado pela Polícia Federal Brasileira, acerca das investigações, concluindo que os jovens não tiveram qualquer participação no crim

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.