Santo Antão: Governo anuncia  investimentos de cerca 2, 5 milhoes contos

9/07/2018 07:41 - Modificado em 9/07/2018 07:48

O vice-primeiro-ministro, Olavo Correia, através das redes sociais, assegurou que o Governo tem “boas notícias” para Santo Antão, ilha onde vão ser lançados, ainda em 2018, dois projectos que já têm “financiamento garantido”.

Trata-se do projecto de água e saneamento, lançado até Dezembro, que ultrapassa um milhão de contos, financiados através do Banco Árabe para o Desenvolvimento em África (Badea), e a segunda fase da estrada para Tarrafal de Monte Trigo, lançado agora em Julho, pelo primeiro-ministro, financiado em cerca de 270 mil contos, pelo Banco Mundial.

Alem disso, o Governo diz ter outros projectos para a ilha já financiados no quadro dos fundos do ambiente e do turismo, que ultrapassam os 900 mil contos, entre eles os de requalificação das orlas marítimas do Porto Novo e do Paul, além da  requalificação de todo os centros urbanos.

Em Junho, durante uma visita a Santo Antão, ministro de Estado, Fernando Elísio Freire,  informou que Governo tem um “ambicioso programa de desenvolvimento” para Santo Antão, que privilegia domínios como habitação social, saneamento, turismo, requalificação urbana e desencravamento das localidades.

No âmbito ainda desse programa, que contempla também a infra-estruturação desportiva, várias comunidades vão ser desencravadas, nos próximos anos, adiantou.

Neste aspecto, Santo Antão será contemplado, a partir deste ano, com a construção de, pelo menos, oito estradas de penetração, entre as quais se destacam, além de Tarrafal de Monte Trigo, as vias para Chã de Branquinho, Lagoa do Planalto Leste, Figueiral (Paul), Caibros e Chã de Igreja.

Segundo um levantamento já feito pelo Governo, o desencravamento de todas as localidades em Santo Antão exige um investimento  de 200 milhões de contos.

Fonte Inforpress

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.