Voluntários não registados enganam-se e inundam gruta da Tailândia

6/07/2018 04:39 - Modificado em 6/07/2018 04:39

Um grupo de voluntários tailandeses não registado bombeou água para o interior da gruta onde estão as doze crianças e o treinador. O percalço está a dificultar os trabalhos de resgate já de si complicados, principalmente quando são esperadas fortes chuvas nos próximos dias.

Narongsak Osotthanakorn, comandante das operações de socorro da equipa de futebol que no final de junho se perdeu no interior de um complexo de grutas em Chiagn Rai, no norte da Tailândia, disse, ao “Bangkok Post”, que um grupo de voluntários chegou ao local e começou a bombear água para o interior da gruta.

“Eles podem acreditar que essa técnica é eficaz para drenar a água do solo, mas tudo o que não está no plano tem que ser discutido connosco”, disse. “A nossa grande preocupação é a chuva. Estamos numa luta contra a água. Apesar de estarmos a retirar água dos seus canais, continua a haver inundações”, acrescentou.

O responsável admitiu que a principal estratégia neste momento passa por bombear a maior quantidade de água possível do interior das caves de Tham Luang. Uma das principais preocupações por parte da equipa de resgate é a falta de notícias sobre as condições em que está o grupo. Um processo que está a ser marcado pela dificuldade em instalar linhas telefónicas no local.

Perante as dificuldades sentidas para retirar os rapazes e o treinador do interior da gruta, os especialistas estão a equacionar fazer um furo na superfície do solo, criando, assim, uma saída alternativa do interior da cave. Para a zona, avança aquele jornal, já foram enviadas cerca de 30 equipas de resgate para analisarem o melhor local para iniciar as escavações.

Até ao momento, as bombas conseguiram reduzir o nível da água do interior da caverna em mais de um centímetro por hora. Apesar dos avanços a possibilidade de retirar os jovens através de mergulho continua a ser a mais arriscada.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.