Campanha “Menos Álcool, Mais Vida: problema social que diz respeito a todos”.    

28/06/2018 06:49 - Modificado em 28/06/2018 06:49
| Comentários fechados em Campanha “Menos Álcool, Mais Vida: problema social que diz respeito a todos”.    

A Presidência da República assinalou o segundo aniversário da campanha “Menos Álcool, Mais Vida”, para a prevenção do uso abusivo do álcool. Um gesto de humanidade e de solidariedade, como caracteriza o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, para com as famílias onde recaem os efeitos do uso abusivo do álcool, um “problema social que diz respeito a todos”.

“Os resultados desta parceria que nos revelam os caminhos trilhados e as batalhas vencidas, são evidências de que muitos dos desafios que nos estão pela frente poderão ser mais facilmente ultrapassados se unirmos forças e soubermos informar para prevenir, com a finalidade última de provocar mudanças de atitudes e de comportamentos dos cidadãos em geral e dos grupos de risco em particular”, como destaca o Presidente. Isto, juntamente com as medidas que têm sido levadas a cabo para reduzir o consumo do álcool.

 Para Jorge Carlos Fonseca, os resultados escapam às estatísticas e atestam a pertinência das acções executadas no quadro da campanha. Resultados que recomendam a aceleração da difusão da campanha nas ilhas e concelhos. “A satisfação que os resultados alcançados nos proporcionam é, na verdade, um grande alento para que todos nós renovemos o compromisso de continuar a contribuir na execução de projectos e de actividades que mantêm o combate preventivo do uso abusivo das bebidas alcoólicas na ordem do dia, numa perspectiva de alteração positiva de comportamento e de atitude face às mesmas”.

Para continuar na mesma senda, recomenda o reforço do diálogo à nossa juventude no “sentido de despertar, em cada jovem, a consciência do impacte que o consumo abusivo de bebidas alcoólicas tem na vida social e familiar”.

O Presidente renova o compromisso de continuar “nesta expedição enriquecedora”.

O problema do uso abusivo do álcool está na atenção do Governo que o Ministro da Saúde, Arlindo do Rosário, classifica como “um importante problema de saúde pública e um dos grandes desafios a vencer”. Reconhece o contributo que a iniciativa presidencial tem trazido na sensibilização, na chamada de atenção da sociedade, principalmente dos jovens, para este problema social.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.