Sindicato dos Agentes da Polícia Nacional repudia condições pouco dignas durante o São João no Porto Novo

26/06/2018 06:46 - Modificado em 26/06/2018 06:46

O Sindicato da Polícia Nacional repudia a “forma pouco digna” como considera que foram acolhidos os agentes durante as festividades de São João no Porto Novo. Segundo o sindicato, a Polícia Nacional foi exposta a “más condições para exercer a sua função” durante o evento.

O sindicato revela más condições de alojamento para a força policial que, a seu ver, foi colocada num espaço por nada condigno para desempenhar a sua função. Segundo o mesmo, o espaço era de cerca de trinta metros quadrados com dez camas e casa de banho sem condições. O sindicato avança que para reforçar a força policial durante as festas de São João, a polícia local foi reforçada com mais vinte agentes, sendo dez da Ribeira Grande e outros dez de São Vicente.

Acerca das condições já mencionadas, o sindicato repudia a forma como foram instalados no local sem condições.

Este sindicato considera a segurança como o maior bem durante as festas, um bem maior do que os próprios artistas e as vendas em si. Porque sem a segurança diz que as actividades não se desenrolariam da melhor forma e que, sem meios e condições, fizeram o melhor para que as festas decorressem na normalidade. Assinala este episódio para que os agentes possam ter melhores condições para exercerem o próprio trabalho.

  1. Fiat Lux

    Sendo verídica as informações aqui apresentadas, as reivindicações são mais que justas, especialmente se atendermos à natureza do trabalho policial que é extremamente exigente. Aos homens da farda é exigido muito, mas para tal devem ser-lhes fornecidas as condições necessárias para tal desempenho sob pena dos mesmos terem comportamentos menos bons, devido à carga psicológica que a atividade acarreta aliada a condições menos boas de repouso, com a dignidade merecida. Se há atividades profissionais que devem ser bem remuneradas e garantidas condições de exercício bastante satisfatórias, uma delas é sem dúvida a policial. Um bem haja a todos os que concorrem para a dignificação dessa profissão.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.