Preso em flagrante delito em Porto Novo por tráfico de droga, fica em prisão preventiva

12/06/2018 07:07 - Modificado em 12/06/2018 16:56
| Comentários fechados em Preso em flagrante delito em Porto Novo por tráfico de droga, fica em prisão preventiva

Estava na posse de uma mala contendo 18 (dezoito) bolotas de produtos estupefacientes que, após a pesagem e teste rápido, reagiram positivamente para a CANNABIS. Foi detido no passado sábado, 09 de Junho. 

O indivíduo do sexo masculino, de 29 anos, natural da ilha de Santiago, foi detido, segundo comunicado da PJ, em flagrante delito, no cais do Porto Novo, em Santo Antão.

De acordo com a Polícia Judiciária, caso chegassem a ser colocados no mercado de venda ilícita de estupefacientes, os produtos, que acusaram um peso total de 6,940 kg, permitiriam confeccionar cerca de 23.133 (vinte e três mil cento e trinta e três) doses individuais, o que geraria um lucro aos traficantes de um valor aproximado de 1.115.650 (um milhão, cento e quinze mil, seiscentos e cinquenta escudos).

Entretanto, ainda antes da apresentação do indivíduo detido em Porto Novo e, após uma revista e busca mais pormenorizada e exaustiva às bagagens do mesmo na sede da Policia Nacional em Porto Novo, a Polícia Judiciária apreendeu mais vinte placas de um produto de cor castanha que, após submetido a teste rápido reagiu para Haxixe, acusando um peso total de 1,928 Kg. “O produto encontrava-se dissimulado em caixas de vinho de cinco litros comercializadas em Cabo verde”, segundo comunicado da PJ.

Apresentado ao Tribunal esta segunda-feira, 11, para efeitos do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coacção pessoal, foi-lhe aplicada pena de prisão preventiva.

A detenção foi feita através do Departamento de Investigação Criminal do Mindelo (DICM) da PJ.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.