Vigília – “Morro Branco à luz das velas”: Chamar atenção para os problemas dos moradores

8/06/2018 06:44 - Modificado em 8/06/2018 06:44
| Comentários fechados em Vigília – “Morro Branco à luz das velas”: Chamar atenção para os problemas dos moradores

Segundo o representante dos moradores da zona do Morro Branco, Emiliano Tavares, mesmo depois do esforço feito para levar às autoridades as próprias preocupações sobre as circunstâncias em que vivem, os moradores ainda não tiveram nenhum tipo de reposta. Os p roblemas foram levados à Assembleia Municipal mas, segundo Emiliano, “ainda não existe nenhuma resposta” aos problemas expostos.
“Apesar de todo esforço feito, ainda não vimos nada”, afiança. A busca da resolução dos problemas, segundo Emiliano, não vai parar. Numa entrevista ao NN já tinha afirmado que a população da zona vai procurar todos os meios para a resolução dos seus problemas.
Nesta sexta-feira, a comunidade tem em programa uma vigília: “Morro Branco à luz das Velas”. Este momento pretende chamar a atenção para o “drama vivido pela comunidade da zona. A realização da vigília pretende mostrar também a “verdadeira situação” em que os moradores vivem, isto é, sem luz durante a noite. Uma realidade que esperam que seja minimizada e que os responsáveis possam analisar as condições em que vivem esta comunidade.
Os moradores reclamam pela iluminação pública, água e esgoto. Três problemas que na perspectiva deles têm demorado, pois adiantam que foram feitas promessas durante a campanha e que neste mandato ainda não foram realizadas. Para Emiliano, ao levarem a questão à Assembleia Municipal,
não obtiveram uma resposta satisfatória, quando o Presidente da Câmara afirmou que estão a ser feitas obras na Ribeirinha, mas sente que ainda não chegaram à sua zona.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.