Batuque FC cai nas grandes penalidades

7/06/2018 07:27 - Modificado em 7/06/2018 07:27
| Comentários fechados em Batuque FC cai nas grandes penalidades

A equipa do Batuque FC foi eliminada da Taça de Cabo Verde, esta quarta-feira, pelo Sporting da Praia, tendo perdido nas grandes penalidades por 2-4, no Estádio da Várzea.

A equipa são-vicentina após eliminar na primeira eliminatória a Ultramarina de São Nicolau, desta feita, no “Final Four” frente ao Sporting da Praia, não conseguiu alcançar o passaporte para a grande final da competição. O Batuque FC entrou bem no jogo e adiantou-se no marcador logo aos cinco minutos, graças ao defesa central Tony que na sequência de um pontapé de canto cobrado por Balakov, saltou mais alto que todos e bateu o guarda-redes Kelvy. O mesmo Tony que aos dezassete minutos, viu o árbitro que viajou do Maio, castigá-lo com uma grande penalidade, por suposta falta sobre o avançado Igor. Uma grande penalidade que deixou muitas dúvidas e que motivou muitos protestos da equipa “axadrezada” que viajou do Mindelo. Chamado à cobrança, o capitão da equipa verde e branca Madjer, não tremeu e rematou sem hipóteses de defesa para o guarda-redes Fock.

O jogo caiu de produção, mas Fock foi o centro das atenções nesta partida, onde interveio por diversas vezes negando o golo da equipa do Sporting que se mostrava mais fresca no decorrer do jogo. A partida chegou ao fim dos noventa minutos com um empate no marcador. Nas grandes penalidades, Balakov e Erikson falharam nas suas pontarias, permitindo assim aos homens da capital, seguirem para a final da competição, que se realiza no próximo sábado, no Estádio Nacional.

Na ressaca desta partida, o treinador do Batuque FC, Bubista, em declarações à imprensa, salientou que a situação da grande penalidade foi um “pouco dura” para a sua equipa. “Nas grandes penalidades qualquer uma das equipas poderia passar, obviamente que o Sporting tinha mais condições em termos físicos, porque vêem de muita competição. Regressar após um mês e meio sem competição é um pouco duro, mas a equipa mostrou qualidade, espírito e garra. Estou satisfeito pelo jogo feito pela equipa, mas não pelo resultado”, enaltece Bubista, dando ainda os parabéns ao adversário pela vitória no jogo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.