Acusado de roubo: homem diz que cometeu os crimes para sustentar vício em drogas

31/05/2018 02:11 - Modificado em 31/05/2018 02:11
| Comentários fechados em Acusado de roubo: homem diz que cometeu os crimes para sustentar vício em drogas

Um indivíduo da zona de Ribeira Bote está a ser acusado de ter cometido 10 crimes de furto a viaturas. O caso está a ser julgado pelo 2º Juízo Crime do Tribunal de São Vicente.

Um homem de 31 anos, suspeito de ter cometido dez furtos em viaturas em diversas zonas, alegou que roubava para sustentar o vício em drogas. “Na altura, quando fiz os roubos, foi por causa da droga. Claro que me arrependo e, neste momento, estou a pagar pelos meus crimes, mas não vou ser responsabilizado por crimes que não cometi”, diz o arguido em defesa de outros crimes que lhe são imputados.

São crimes ocorridos entre Julho de 2015 e Agosto de 2016, tendo o “meliante” levado consigo, entre outros, equipamentos tecnológicos e mais de 20 mil escudos em dinheiro. Neste momento encontra-se preso há mais de um ano na Cadeia Central da Ribeirinha, a cumprir pena pela prática de crimes semelhantes.

Em sua defesa, Jandir Dias, conhecido por “Gémeos”, disse que na altura roubava para sustentar o seu vício em drogas e que não podia estar muito tempo sem consumir, uma situação, que segundo os agentes da Polícia Nacional, é um cliché comum, pois a maioria quando confessa, alega que praticava o roubo para se manter no vício. “É uma prática muito comum”.

Alvos fáceis, conforme a acusação, ele agia quase sempre da mesma forma e na maioria dos crimes, as viaturas eram arrombadas.

O primeiro dos dez furtos conhecidos às viaturas foi cometido em Julho de 2015, perto da Praça Nova. Em Dezembro de 2015, volta a atacar, levando um kit de segurança. No entanto, garante que não se recorda de ter praticado esse crime.

Em 19 de Abril de 2016, rouba de dentro de uma viatura um envelope contendo o montante de dezasseis mil escudos e um relógio no valor de mil e quinhentos.

Em Junho, mais um furto. Desta feita em Monte Sossego, arrombou a porta de uma viatura e levou duas colunas e uma pen drive, duas no Madeiralzinho, Espia, Avenida 12 de Setembro, Rua Angola e ainda na Avenida da República onde surripiou dez mil escudos de dentro de uma carrinha.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.