Associação de Taxistas acusa PN  de excesso de zelo no Aeroporto Internacional Cesária Évora

21/05/2018 07:17 - Modificado em 21/05/2018 07:41

Taxistas reportam excesso de zelo da actuação dos agentes da polícia de trânsito no aeroporto internacional. Uma situação abordada com o Presidente da Associação de Taxistas de São Vicente e confirmada por outros taxistas.

O facto exposto é que um dos agentes da polícia tem exigido aos taxistas a colocação do cinto de segurança dentro do espaço do aeroporto. Mesmo para avançar o carro na fila de espera de clientes, António Delgado, avança que o agente da polícia exige que os taxistas coloquem o cinto de segurança e, se não tiverem o cinto de segurança, “são passadas multas” aos taxistas.

Situação que leva António Delgado a criticar a forma de actuação que tem prejudicado os taxistas com as multas. Outro facto denunciado é que já com os clientes no táxi, os agentes questionam os mesmos para onde vão, facto que deixa o Presidente da Associação preocupado com a actuação dos agentes.

“Existem muitos casos e quase todos os taxistas no aeroporto têm sofrido multas. E muitas multas por causa do cinto de segurança dentro do parque”, argumenta Delgado. 

Para o Presidente, os taxistas sabem do motivo porque o agente lhes tem passado multas, mas avança que é exagerado e que isso prejudica os taxistas e que não tem deixado uma boa imagem numa das portas de entrada da ilha. Avança que está certo que hajam multas mas quando necessário e que a exigência do cinto deve existir quando o taxista já está preparado para fazer a viagem com o cliente e, neste caso sim, deve ser exigida a colocação do cinto.

  1. Mindelense

    Entre o cumprimento da lei, a coerência e a razoabilidade, vai uma grande diferença. Das brigadas da PN em São Vicente, aquele que a população não gosta é a Brigada de Trânsito, pois, incorpora alguns agentes, caso do agente DJÔ e Comandanta Mimina, que, para além de não ser nada simpático e cordial, é um tanto ou quanto autoritário. Ninguém está a pedir que a policia de trânsito feche os olhos, mas sim que tenha uma postura didáctica, e quando preciso for, que aplique a lei doa a quem doer. O Agente Djô aplica multas por tudo e por nada, a seu belo prazer, e pior, não dá oportunidade ao cidadão de se explicar. Finalmente, apenas levar a vossa consideração que a Policia de Trânsito FECHA OS OLHOS aos carros e condutores da Administração Pública. A maioria dos carros da Administração pública aqui em São Vicente não tem inspecção automóvel, alguns deles seguro auto e imposto de circulação em dia, falta-lhes as vezes algumas piscas e luzes STOP, mas a policia apenas aplica a lei ao zé povinho. Se quiserem comprovar, é basta ficarem atentos aos carros e camiões das forças armadas, alguns carros da policia, carros do HBS, da repartição das finanças, etc, etc.O Noticias do Norte deveria fazer uma reportagem sobre isso. O falso moralismo mora neste país.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.