Foguetões e Palmeira são as duas primeiras equipas a se apurarem para as meias-finais

7/05/2018 06:59 - Modificado em 7/05/2018 06:59

As equipas do Foguetões de Santo Antão Norte, integrantes do grupo B, e o Palmeira do Sal, do grupo C são as duas primeiras equipas a conseguirem o passaporte para as meias-finais da competição, numa jornada em que os campeões em título o Sporting praticamente disse adeus.

Os campeões de Santo Antão Norte o Foguetões do Paul, mediram forças neste domingo, com o Morabeza da Brava em jogo a contar para a quinta jornada do grupo B, e a equipa de Santo Antão Norte ao fim dos noventa minutos fez a festa da passagem as meias-finais. A equipa do Eito do Paul entrou em campo sabendo que uma vitória bastava para conseguirem alcançar as meias-finais, caso o outro jogo do grupo entre Belo Horizonte e Scorpion terminasse empatado. Ora, o destino foi de encontro com a equipa do Paul, que conseguiu os objectivos nesta jornada. Os azuis do Paul tiveram que lutar e muito para levar de vencida a turma que viajou da Brava, e logo aos seis minutos da partida já se encontravam em desvantagem no marcador graças ao golo de Black. Os Foguetões aos treze minutos conseguiu chegar ao empate, por Jon d Bibi o homem golo desta formação do Paul. Na segunda parte e quando nada previa o Foguetões chegou mesmo ao golo da vitória por intermédio de Kelili, na marcação de uma grande penalidade, isto quando o tempo de compensação dado pelo árbitro do encontro António Rodrigues já se esgotava.

Com esta vitória e com o empate a duas bolas entre Belo Horizonte e Scorpion, o Foguetões fez a festa da passagem as meias-finais, um dado histórico, pois nunca esta equipa tinha conseguido atingir uma meia-final de um Campeonato Nacional de Futebol. Por sua vez Morabeza disse adeus ao sonho de continuar na prova. Por sua vez Scorpion e Belo Horizonte ainda almejam chegar ao segundo melhor lugar geral.

O Palmeiras do Sal foi que também conseguiu atingir as meias-finais da prova, isto ao vencer no Marcelo Leitão, a formação do Vulcânico por 1-0. As duas equipas vinham coladas na tabela classificativa com os mesmos sete pontos, e em caso de triunfo para alguma das equipas as portas das meias-finais se abririam. Num jogo com muito em jogo e com as duas equipas a não quererem arriscar muito, o marcador desta partida só foi desbloqueado aos 70 minutos quando o ex-Mindelense Latche conseguiu marcar e, assim dar o apuramento para a turma salense. Com este triunfo o Palmeira chegou aos dez pontos, e o Vulcânico com os mesmos sete que tinha a entrada para esta jornada. Neste grupo o Campeão em título o Sporting da Praia, ficou com pé e meio fora da competição, isto ao empatar no Maio, frente a formação do Barreirense a uma bola. Com este empate a equipa leonina chegou aos cinco pontos, mas tem um score negativo de golos, e nesta luta pelo segundo lugar tem a forte concorrência de equipas que já tem oito pontos, o máximo que poderá ainda alcançar, onde se afiguram a Académica do Porto Novo e Académica da Praia, equipas que seguem na segunda e terceira posição do grupo A.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.