Real Madrid em mais uma final da Champions League à espera do Liverpool ou da AS Roma

2/05/2018 10:01 - Modificado em 2/05/2018 10:01

Real Madrid’s Cristiano Ronaldo celebrates scoring his side’s 3rd goal during a Group A Champions League soccer match between Real Madrid and Shakhtar Donetsk at the Santiago Bernabeu stadium in Madrid, Spain, Tuesday, Sept. 15, 2015. (AP Photo/Francisco Seco) APTOPIX Spain Soccer Champions League

O bicampeão europeu Real Madrid conseguiu, nesta terça-feira, frente ao Bayern de Munique, alcançar a sua 16ª final da Liga Milionária, a terceira de forma consecutiva e espera agora o vencedor do jogo entre o Liverpool e a AS Roma que medem forças para a segunda mão das meias-finais nesta quarta-feira.

Após vencerem a primeira mão na Alemanha por 1-2, os madrilenos tiveram de se aplicar a fundo nesta terça-feira para levarem de vencida nesta eliminatória a equipa bávara no Estádio Santiago Bernabéu. Kimmich adiantou os bávaros no marcador logo aos três minutos, mas o francês Karim Benzema, repôs a igualdade logo aos onze minutos. Na segunda parte, Kimmich cometeu um enorme erro na sua defensiva o que permitiu a Benzema de colocar o Real Madrid na frente do marcador. O ex-jogador do Real Madrid, James Rodrigues, ainda empatou a partida aos 63 minutos, mas de nada valeu este golo ao hexacampeão alemão que encontrou pela frente um Keylor Navas super inspirado, com o guardião costa-riquenho a servir de herói por muitas vezes até ao apito final do árbitro turco Cuneit Çakir.

Desta feita, os bicampeões europeus são a primeira equipa a atingir a final de Kiev a ser disputada no dia 26 deste mês no Estádio NSC Olympiysky. Os madrilenos esperam agora para saber quem será o próximo adversário da final da maior prova de clubes da Europa desta época 2017/18.

Nota para este jogo ainda para Cristiano Ronaldo que chegou aos 152 jogos da Liga dos Campeões Europeus, superando os 151 jogos do Espanhol Xavi. Assim, Cristiano Ronaldo torna-se no jogador de campo com mais presenças na prova. O jogador português é líder isolado dos melhores marcadores com 15 golos apontados, sendo que ficou em branco nesta eliminatória com a equipa alemã. Ronaldo, nas provas da UEFA, só é ultrapassado pelo guardião espanhol do Futebol Clube do Porto e ex-dono da baliza merengue por muitos anos, Iker Casillas, com 167 jogos.  

 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.