Dom Ildo Fortes conferiu posse aos Diáconos Permanentes em São Vicente

12/11/2012 00:55 - Modificado em 12/11/2012 00:56
| Comentários fechados em Dom Ildo Fortes conferiu posse aos Diáconos Permanentes em São Vicente

Dom Ildo Fortes, bispo da Diocese do Mindelo conferiu posse aos cidadãos, José Brito e Manuel Santos como Diáconos Permanentes desta diocese e da Paróquia de Nossa Senhora da Luz em São Vicente. Osdois diáconos passam a ter a missão de realizar o ministério da palavra, culto divino, governo pastoral, serviço de caridade na ilha, devendo trabalhar em estreita relação com o bispo Dom Ildo Fortes.

 

A cerimónia de ordenação diaconal de José Brito e de Manuel Santos foi presidida pelo bispo da Diocese do Mindelo, Dom Ildo Fortes e contou com a presença do seu antecessor, Dom Arlindo Furtado, pessoa que idealizou o projecto para a ordenação dos primeiros Diáconos Permanentes da Igreja Católica em Cabo Verde.

Para Dom Ildo Fortes, a ordenação diaconal representa uma nova fase na vida dos cidadãos que receberam esse sacramento. “Os dois novos Diáconos Permanentes que nos foram dados pela Igreja são servidores de Cristo e agora vão ser uma referência, porque receberam uma missão para transmitir a fé em nome de Deus e da sua Igreja na sua ilha e na Diocese do Mindelo”.

De realçar que antes desta ordenação diaconal, José Brito e Manuel Santos realizaram uma formação teológica e pastoral durante três anos. Os dois cidadãos passam a integrar um grupo de dez Diáconos Permanentes na Diocese do Mindelo, um evento histórico para a Igreja Católica em Cabo Verde.

José Brito diz que “há anos que sou servo da Igreja, mas agora abracei a missão de diaconato porque quero servir de forma organizada a Igreja Católica. Com a função de Diácono Permanente terei que fazer um esforço enorme com a ajuda de Deus, para ser uma pessoa modelo na minha diocese e promover a evangelização dos meus irmãos”.

Por seu lado, Manuel Santos assegura que recebeu um dom ao aceitar o cargo conferido pelo bispo da Diocese do Mindelo. “A minha missão será levar a Palavra de Deus aos cristãos e dar atenção aos mais necessitados. E aos 80 anos, assumir a função de Diácono Permanente demonstra que a vocação não tem idade e que para os outros é uma mensagem para responderem à missão que lhes foi dada”.

 

Diaconato Permanente

Com esta ordenação na Paróquia de São Vicente, a Diocese do Mindelo passa a ter 9 Diáconos Permanentes: Benedito Lima, Clemente Pires, João da Cruz, João Rocha, Pedro Santos, João Ramos, Manuel Ramos, José Brito e Manuel Santos. João Andrade, o 10º seminarista será empossado no próximo domingo na Paróquia de Nossa Senhora das Dores, ilha do Sal.

O sacramento do diaconato permanente é o primeiro da Ordem e é conferido a homens casados que, com a permissão das suas esposas e sob a autoridade pastoral do Bispo, ficam mais disponíveis para o serviço à Igreja Católica.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.