Governo vai estruturar programas para apoiar empresas das áreas da inovação e tecnologia

20/04/2018 07:11 - Modificado em 20/04/2018 07:11

No âmbito das visitas que tem realizado às empresas da área de inovação e tecnologia, o Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, afirmou que o seu Executivo vai criar um programa com um conjunto de iniciativas que permitam apoiar esses setores.

O que se quer, através do CVNext, é desenvolver programas com as incubadoras e os jovens empresários no sentido de facilitar o acesso ao mercado de trabalho.

 Para o Primeiro-ministro, muitos jovens depois de desenvolverem projetos têm dificuldade de chegar ao mercado, encontrar bons parceiros e até divulgar os seus produtos. E, por isso, o governo vai dar um contributo adicional.

 “Vimos jovens com talento, capacidade de inovação, de correr riscos, com ideias muito claras relativamente à produção de aplicativos úteis para o desenvolvimento de soluções no país,” anotou Ulisses Correia e Silva, sublinhando que são incitativas que vão ao encontro daquilo que o governo pretende para Cabo Verde, como uma plataforma digital criando oportunidades de empregos qualificados e empreendedorismo jovem com capacidade de exportação.

 Por outro lado, Ulisses Correia e Silva reconheceu nos jovens “muita ambição e vontade e fazer investimentos com recursos próprios, desenvolvendo iniciativas interessantes. Neste sentido, lembrou que o governo tem em curso o Programa Startup Jovem, com crédito bonificado, garantia assumida pelo tesouro e com custos repartidos de incubação, precisamente para permitir que iniciativas desse tipo possam “vincar no mercado”.

 As visitas enquadradas no evento CVNext, que se realiza no sábado, visam sentir o pulsar daquilo que são as grandes realizações que os jovens estão a fazer nas áreas da tecnologia, inovação, design, moda, e tudo que tem a ver com a criatividade e empreendedorismo. Depois da empresa BONAKO, o chefe do Governo esteve, na quarta-feira, 18, na Life Solutions e no Atelier CM.

 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.