Rusga  na Praça Estrela : PN apreende armas de fogo e faz   quatro detenções  

28/03/2018 02:05 - Modificado em 28/03/2018 02:05

 

A Polícia Nacional (PN) deteve hoje quatro indivíduos, identificou 17 cidadãos estrangeiros que se encontram em situação ilegal no país e apreendeu material diverso na sequência de uma rusga no mercado informal da Praça Estrela, no Mindelo.

A operação envolveu 53 elementos dos Serviços de Fronteiras, Brigada de Investigação Criminal e outras unidades e ramos da PN, incidiu no controlo de estrangeiros no território nacional e “alguma busca e revista” de pessoas suspeitas, e enquadrou-se no cronograma de actividades da polícia.

Num balanço feito na tarde de hoje, o comandante da operação, subcomissário Evandro Sousa, explicou que foram fiscalizadas 61 barracas de comércio, de forma aleatória, e controlados 30 cidadãos estrangeiros, dos quais 17 se encontravam em situação irregular e foram conduzidos ao Comando Regional da PN para efeito de regularização da situação no país.

“Tivemos quatro detidos, dois dos quais serão presentes ao Ministério Público por crimes  porte de armas, posse de gás pimenta, e outros dois conduzidos à unidade para efeito de identificação”, ajuntou a mesma fonte.

A PN deu ainda conta da apreensão de duas botijas de gás lacrimogéneo, que serão enviados ao Ministério Público, 10 telemóveis, um tablet, um Ipad, uma coluna de som, todos “de proveniência duvidosa”.

“Caso estejam relacionados como ilícito criminal serão apreendidos legalmente e entregues ao Ministério Público”, precisou o comandante da operação, que considerou que a mesma “correu bem, sem incidentes” e dentro do que esperava a PN.

inforpres

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.