ARFA suspende comercialização do lote  Ibuprofeno Inpharma 100mg/5ml

20/03/2018 07:06 - Modificado em 20/03/2018 07:06

A Agência de Regulação e Supervisão dos Produtos Farmacêuticos e Alimentares (ARFA) mandou retirar do mercado o lote do medicamento Ibuprofeno Inpharma 100mg/5ml, indica um comunicado a que a Inforpress teve acesso hoje.

Segundo o documento do Centro Nacional de Farmacovigilância (CNF) da ARFA, no seguimento de notificações de suspeita de problemas de qualidade com o medicamento Ibuprofeno Inpharma, suspensão oral, 100 mg/5ml, embalagem de 130 ml, apresentando os lotes em causa viscosidade alterada, apurou-se a existência de problemas em cinco lotes do produto.

Ao constatar a existência de problemas, a ARFA determina a suspensão da comercialização e a retirada dos lotes do medicamento do mercado e os Laboratórios Inpharma procederão a recolha voluntária dos lotes em causa.

No comunicado, a ARFA diz que existem alternativas a este medicamento no mercado nacional, pelo que não se coloca o risco de rotura.

As entidades que possuem os lotes do medicamento em stock, não podem vende-lo, dispensar ou administrar, devendo proceder a sua devolução, sublinha o comunicado.

Os doentes que estejam a utilizar os lotes do medicamento sob alerta, não devem interromper o tratamento, mas logo que possível, devem consultar o médico para que lhes sejam prescritos um medicamento alternativo, aconselha a ARFA.

 

Inforpress

 

  1. itaulivo oliveira

    é muita brincadeira. veja eu estou sem tomar um medicamente denominado Cabepentina prescrito por um medica daqui de São Vicente por motivo burocrático a mais ou seja o medico passou-me a receita foi-me pedido um declaração, como se isto não me bastasse a direcção de medicamentos pediu que o medico lhes disse qual é o motivo que levaram ele a prescrever tal medicamento. Concluindo estou sem medicamento e a sofrer com um hérnia discal. porque a direcção não autorizou nenhuma farmácia a encomendar o medicamento de portugal. contudo tudo esta bem neste Paizão

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.