Camille Balla, filha do ex-presidente da CMB acusada de matar a mãe na Florida

17/03/2018 15:53 - Modificado em 17/03/2018 15:53

Camille Balla, filha do ex-Presidente da Câmara Municipal da Brava, foi acusada pelas autoridades de Royal Palm Beach, de ter assassinado a mãe, no início desta Sexta Feira. Camille Balla, 32 anos, foi acusada de homicídio em primeiro grau e será presente ao juiz, no sábado de manhã, para legalização de prisão.

Francisca Monteiro Balla, de 55 anos, foi encontrada morta no bairro de Country Club Village, no Royal Palm Beach Boulevard. As autoridades foram chamadas para a casa no bloco 100 de Country Club Way por volta das 1H30 da madrugada desta sexta-feira. Não se sabe ainda como Francisca foi morta e nem quais os motivos do crime. As autoridades acreditam que sua morte foi causada por trauma de um objeto desconhecido.

Camille Balla já teve algumas passagens pela Polícia, e os registos policiais dão conta de que a mesma foi presa por ser encontrada conduzindo sob influência de álcool  e na posse de menos de 20 gramas de marijuana, isso em 2014 e 2015.Por estes crimes, Balla teve sua liberdade condicionada a não cometer qualquer delito durante um ano e sua licença de conduzir foi suspensa por nove meses.

Francisca Balla foi a 21ª vítima de homicídio confirmada no condado de Palm Beach durante 2018, de acordo com uma base de dados on-line do Palm Beach Post, e a primeira em Royal Palm Beach.

Fonte –  www.brava.news

  1. Lucífer

    Credo !!!! Essa menina tem cara de PSICOPATA !!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.