TACV: Sindicatos e trabalhadores pedem intercessão do PR

13/03/2018 07:15 - Modificado em 13/03/2018 07:15
| Comentários fechados em TACV: Sindicatos e trabalhadores pedem intercessão do PR

Os trabalhadores da TACV e a UNTC-CS “abrem o livro” da situação dos trabalhadores ao Presidente da República, esperando que este use a sua influência perante o Governo para ajudar a resolver e agilizar a resolução dos problemas que os mesmos sentem. Para a Secretária-geral da UNTC-CS o que se quer é que haja “diálogo e negociação”. Espera que os sindicatos sejam chamados para a negociação porque a administração tem “estado em total silêncio”, indicou a Secretária-geral da UNTC-CS.

Os três pontos que preocupam tanto os sindicatos como os trabalhadores prendem-se com as negociações relacionadas com a pré-reforma de alguns trabalhadores, a rescisão mútua de contrato e a questão da mobilidade para a ilha do Sal. Neste processo, o pedido junto do Presidente é que os sindicatos sejam chamados à mesa das negociações com a empresa para a resolução dos problemas e das preocupações dos trabalhadores e dos sindicatos. As propostas da administração não têm dado satisfação aos trabalhadores.

O pedido é o mesmo por parte dos trabalhadores: “que haja negociação, que chamem os sindicatos para dialogar”. Assuntos que consideram preocupantes, sobretudo pelo motivo da falta de informação.

Os trabalhadores da TACV na cidade da Praia já programaram uma manifestação para esta quinta-feira para que a administração e o Governo possam escutar os trabalhadores através dos sindicatos no processo de privatização e resolução das questões. A manifestação também se prende com a marginalização dos trabalhadores na procura de solução e com as propostas insatisfatórias para a classe.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.