Julgamento / Operação Zorro: MP rejeita ajuntar despacho da justiça brasileira ao processo

12/03/2018 13:29 - Modificado em 12/03/2018 13:29
| Comentários fechados em Julgamento / Operação Zorro: MP rejeita ajuntar despacho da justiça brasileira ao processo

O ministério recusou ajuntar ao processo “operação zorro, cujo julgamento teve início esta manhã, na cidade do Mindelo, o despacho da justiça brasileira que iliba os três marinheiros brasileiros e capitão francês da acusação de tráfico de droga. O representante do Ministério Público remeteu a defesa para artigos da legislação brasileira para justificar a sua posição de não aceitar o Despacho Fundamentado do Departamento de Policia Federal Superintendência Regional da Bahia, datado de 7 Fevereiro . A defesa reagiu perguntado desde quando os artigos da lei brasileira entraram em vigor em Cabo Verde para impedir que o documento da justiça brasileira pudesse “ contribuir para ajudar a encontrar a verdade num processo onde as primeiras informações que estiveram na base da acusação do MP partiram da mesma instituição “ O adova godo João do Rosário questionou “ Informações da Policia Federal Brasileira serviram para o MP elaborar e sustentar a sua acusação, mas agora não servem para ajudar a provar a inocência dos acusados “. O advogado sustentou que o MP e deve aceitar os novos factos que permitem “descobrir a verdade “ porque esse “ é o trabalho de todos, a demostração da verdade “.

O Juiz perante o pedido  da defesa, disse que na hora certa irá se pronunciar sobre o recurso.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.