Tribunal de São Vicente condena  dois jovens a seis anos de cadeia por agressão agravada

21/02/2018 23:42 - Modificado em 21/02/2018 23:42
| Comentários fechados em Tribunal de São Vicente condena  dois jovens a seis anos de cadeia por agressão agravada

Três jovens acusados dos crimes de roubo e de agressão agravada contra uma pessoa foram, esta quarta-feira, sentenciadas com penas únicas de seis anos e seis meses, seis anos e dez meses de prisão e o outro, por participação numa agressão na lixeira na Ribeira de Julião, com dois anos e oitos meses de prisão. Para este último, o Tribunal da Comarca de São Vicente entendeu suspender a pena na sua execução por três anos.

De acordo com o Tribunal, os factos foram provados e devido à natureza dos crimes e “pela conduta censurável” dos arguidos, optou pela condenação, ainda mais porque os dois principais autores, Stiven e Erickson possuem antecedentes criminais e ambos estão presos na cadeia da Ribeirinha. Stiven cumpre pena de dois anos e dois meses de prisão efectiva e Erickson está em prisão preventiva.

De acordo com o Tribunal, dos diversos casos de que os arguidos estavam acusados só foram provados quatro crimes de roubo cometidos por Stiven e cinco crimes de roubo cometidos por Erickson, sendo um deles, roubo contra pessoa. De realçar que ambos eram parceiros nos crimes de que foram acusados, excepto um só em que Stiven cometeu na companhia de outro indivíduo.

Entre estes, o crime mais grave aconteceu em Outubro de 2017, na lixeira Municipal de Ribeira de Julião. Os três jovens agrediram brutalmente um comerciante quando este foi despejar lixo no local. Durante o julgamento, o ofendido contou que foi agredido várias vezes tendo ficado em estado grave devido às múltiplas agressões continuadas por estes jovens que respondem pelos nomes de Stiven, Erickson e Liliano.

Disse na altura que este trio invadiu a sua viatura de caixa aberta e depois de ter resistido, começou a ser agredido com um cabo bem grosso, tendo sido atingido por três vezes nas costas, na parte traseira do pescoço e por último na cara. Ainda foi agredido com uma pá e com uma barra de ferro.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.