A Dieta de Pioppi vem desmentir as modas da alimentação

20/02/2018 00:37 - Modificado em 20/02/2018 00:37
| Comentários fechados em A Dieta de Pioppi vem desmentir as modas da alimentação

21 dias é o tempo que precisa para adotar um novo estilo de vida. Mas não um cheio de restrições, regras e modernices. A Dieta de Pioppi promete uma vida longa e saudável, tal como os habitantes da pequena aldeia italiana de Pioppi

Agordura saturada não é assim tão má, o colesterol pode ser seu amigo, a obesidade não se vence a correr, afinal o açúcar não é mau… são ideias que não costuma ouvir, numa altura que se dá a devida importância à alimentação, à procura do caminho mais saudável, apesar de os casos de obesidade, cancro e doenças cardíacas continuarem a aumentar.

“E se afinal não estiverem a dizer-nos a verdade acerca da nossa saúde?” foi o que questionaram os autores de ‘A Dieta de Pioppi’, lançado pela editora Vogais, um plano alimentar de 21 dias que se baseia na alimentação praticada numa pequena aldeia, com menos de 200 habitantes, que não se deixa ir por modas e apresenta dados de saúde e longevidade bastante positivos, desmentindo certos mitos alimentares.

“A má alimentação contribui agora mais para a doença e a morte em termos globais do que a falta de atividade física, o tabagismo e o álcool tudo junto” refere um dos autores, que não acusa a responsabilidade pessoal de cada um para os atuais dados: “Não é fácil orientarmo-nos no manancial de alimentos baratos e processados alardeados por estratégias de marketing agressivas em prol da comida de plástico, de uma indústria cujas alegações ‘magro’, ‘isento de glúten’, ou ‘amigo do coração’ são mais prejudiciais para a saúde do que outra coisa”, aponta, concluindo que precisamos de opções e de informação.

Aseem Malhotra e Donal O’Neil dedicam por isso a primeira parte do livro a desmistificar o que são alimentos processados, o porquê de diabetes de tipo 2, o movimento enquanto medicamento e outros temas comuns e gerais ao vasto tema da alimentação.

Malhotra é cardiologista. Colabora com conceituadas publicações estrangeiras e participa em campanhas mediáticas contra o açúcar e medicação em excesso. Já Donal O’Neil, passou de atleta a realizados de documentários onde aborda as questões da saúde e do desempenho humano. Foi em 2005 que a dupla se juntou para gravar o documentário ‘The Big Bad Fix’, lançado em 2016, que mostrou os ‘segredos’ de saúde da Dieta de Pioppi e veio dar origem ao livro agora publicado.

Mas em que se baseia, então, esta dieta?

É uma alimentação simples, que se baseia em comida natural e não processada, que confere saciedade e energia. Em Pioppi, o comum é fazer-se três refeições por dia e comer até se sentir saciado.

Nesta aldeia não há ‘medo da gordura’, mas também não há alimentos processados que contenham mais açúcar e sal do que o recomendado. O objetivo dos autores foi trazer esta noção para um ambiente diferente do que se vive numa pequena aldeia, onde o comércio local é praticamente todo de produção própria. Ao conhecer os alimentos e dar preferência aos mais puros, irá rapidamente reduzir o risco de contrair certas doenças e e perder gordura corporal em excesso.

A par da alimentação, ‘respirar’, ‘conviver’ e ‘dormir’ são as palavras chave para um estilo de vida longo e saudável, semelhante ao vivido na aldeia.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.