Uma concorrência forte será positivo para a CVTELECOM

5/11/2012 00:51 - Modificado em 5/11/2012 00:51
| Comentários fechados em Uma concorrência forte será positivo para a CVTELECOM

Questionado pelo Expressodasilhas, sobre o significado da entrada de capitais angolanos no negócio das telecomunicações em Cabo Verde através da compra da T+, o PCA da CVTelecom, afirma: “Não tenho nenhum comentário especial a fazer a não ser a minha satisfação por ver que Cabo Verde continua a ser atractivo para o investimento.

 

Parece-me que o sector das telecomunicações continua também a ser chamativo para os investidores e está a haver dinamismo no sector. O que temos de fazer é trabalhar muito para tirarmos dividendos dessa dinâmica.” Questionado sobre as consequências do grupo CVTELECOM passar a ter um concorrente com grande poder financeiro, como é o caso do grupo liderado por Isabel dos Santos, respondeu: ” Só quer dizer que a CVT vai ter de enfrentar uma concorrência mais forte.

É um desafio para a empresa e para todos os seus administradores, para os técnicos, para os gestores; significa que vamos ter de trabalhar mais para mantermos a posição que temos no mercado. Acredito que isso só pode ser positivo para a CVTelecom”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.